, ,

10 questões sobre Febre Amarela

1) Quem pode tomar a Vacina Febre Amarela?

Resposta: Indivíduos ainda não vacinados – Crianças a partir dos nove meses de idade até 59 anos de idade, após essa idade com triagem (para verificar se não há contra indicação)

2) Quem não pode tomar a vacina?

Resposta: Mulher que esteja amamentando criança até 6 meses de idade, gestante, pessoas com comorbidades: Imunossupressão (quimioterapia, radioterapia, corticoides com dose de 2mg /dia para crianças e acima de 20 mg/dia para adultos por tempo superior a 14 dias, Infectados pelo vírus HIV. Em uso de medicações, antimetabólicas ou medicamentos modificadores do curso da doença ( Infliximabe, Etanercepte, Golimumabe, Certolizumabe, Abatacept, Belimumabe, Ustequinumabe, Canaquinumabe, Tocilizumabe, Ritoximabe)Transplantado e paciente em tratamento oncológico, paciente com história pregressa de doença do timo, Lúpus, doença de Addison, artrite reumatóide. História de reação alérgica grave após ingestão de ovo, ocorrida nas primeiras 2 horas e doença febril.

3) Existem alguns riscos após tomar à vacina?

Resposta: Os sintomas mais relatados do 5º ao 10º dia são leves e desaparecem espontaneamente. estes incluem; cefaleia, mialgia e febre.outros eventos cerca de 1 a 10%, são: dor, eritema, febre alta , náusea, mialgia. Eventos adversos muito raros: reação de hipersensibilidade, reação anafilática, doença viscerotrópica.

4) Eu tomo remédio, posso tomar a vacina?

Resposta: Depende do remédio, da doença , (sempre fazemos triagem);

5) Quanto tempo demora a imunização após ser vacinado?

Resposta: Os anticorpos aparecem entre 1 a 2 semanas após a vacinação, atingindo nível máximo  3 a 4 semanas depois;

6) Uma pessoa pode transmitir a doença para outra?

Resposta: Não

7) Por que tem que fazer o agendamento para tomar a vacina? Não posso ir qualquer horário?

Resposta: O frasco de vacina tem 10 doses, para não haver perdas agendamos.

8) Quem não reside em Jarinu mas esta por aqui, precisa tomar a vacina?

Resposta: Precisa , porque o vírus está na região ( gênero Flavivírus);

9) Quais documentos precisa levar?

Resposta:  Carteira de Vacinas ( se tiver) , ou qualquer documento de identificação;

10) Eu perdi a caderneta de vacinação. Como faço? 

Resposta: Se perdeu a carteira de vacinas, fazemos outra.

INFORMAÇÕES (11) 4016-8100

Locais de Vacinação com agendamento

ESF´s dos bairros Campo Largo, Maracanã, Vila Primavera e Nova Trieste

Local de vacinação com entrega de senha

Ambulatório Central – rua João Pessoa, 560 – Jardim Saúde.

, , ,

Ambulatório Central abrirá no sábado (21) para vacinação contra Febre Amarela

Não é necessário agendamento para quem comparecer no sábado.

A Secretaria Municipal de Saúde de Jarinu, através do Departamento de Vigilância Epidemiológica e da Equipe de Vacinação, realizará neste sábado, dia 21, mais uma etapa da Campanha de vacinação contra Febre Amarela, no Ambulatório Central, das 08h às 17h. É necessário levar a carteira de vacinação e documentos pessoais. Não precisa de agendamento.

De acordo com Antenor Gomes Gonçalves, secretário de Saúde de Jarinu, devido aos casos positivos de Febre Amarela em Primatas Não Humanos (PHN), na região “devemos ampliar a vacinação a toda população para evitar que casos sejam confirmados em Jarinu”. O Secretário destacou, também, que “não há casos de Febre Amarela no município, apenas na região. O que temos que fazer é nos prevenir o quanto antes”.

Em Jarinu a prevenção vem sendo feita desde Abril quando os moradores da zona rural, a pedidos da Secretaria Estadual, através da Divisão Regional de Saúde, solicitou o acompanhamento. “Mesmo sem termos o foco da Febre Amarela já estamos vacinando. Iniciamos nossa campanha em Abril”, finalizou Antenor Gonçalves, secretário de Saúde.

QUEM PODE VACINAR?

Todas as pessoas que não receberam a vacinação deverão procurar a Unidade de Saúde mais próxima de casa. A vacina é recomendada a partir de 9 meses de idade; pessoas com mais de 60 anos precisam de uma avaliação antes de receber a vacina contra febre amarela. A vacinação é contra indicada em gestantes, mães amamentando crianças até 6 meses de idade, reação alérgica grave a ovo, doenças prévias (comorbidades) e em tratamentos específicos. Para o sábado não é necessário agendamento.

LOCAIS DE VACINAÇÃO

A população deverá procurar a sala de vacinas mais próxima de sua residência para fazer o agendamento da vacinação, levar carteira de vacina e um documento de identificação.

A vacina contra Febre Amarela está disponível nas ESF dos bairros Maracanã, Nova Trieste, Campo Largo, USF Primavera e Ambulatório Central (Antiga UMS, rua João Pessoa, 560), de segunda a sexta-feira.

CAMPANHA CONTRA FEBRE AMARELA

A Secretaria de Saúde, juntamente com a equipe de Vigilância Epidemiológica estão vacinando nos dias 21 de outubro e 11 de novembro, sábados, nas salas de vacinação do Ambulatório Central (antiga UMS), que ficará aberto das 08h às 17h00, para vacinas contra Febre Amarela.

DADOS

De Maio a Setembro foram vacinados 5149 pessoas. Somente no mês de outubro 950 doses já foram aplicadas. Ainda não foi encontrado nenhum caso de Febre Amarela em Jarinu. Os quatro macacos encontrados foram enviados para análise no Instituto Adolfo Lutz.

Desde o dia 18/10 até 31/10 o Ambulatório Central (antiga UMS) realizará à vacina de Febre Amarela em adultos sem agendamentos, sob entrega de senhas das 08h às 11h e das 13h às 15h. A vacina em crianças continuará sendo realizado na sala de vacina. Pacientes dos bairros Nova Trieste, Maracanã, Campo Largo e Vila Primavera, deverão se dirigir à UBS do bairro de referência.

Nota de esclarecimento 20/10 às 14h36 – > Nota Esclarecimento – Febre Amarela

Informações: (11) 4016-8114

,

Jarinu sobe para o ‘Grupo 1’ no Índice Paulista de Responsabilidade Social

Prefeita recebeu os cumprimentos do Presidente da Assembleia Legislativa, Cauê Macris

Mais do que responsabilidade fiscal é a responsabilidade social com a população. Esse é o princípio fundamental da transparência e de sinônimo de que a gestão esta no caminho certo. Por esse motivo, na quarta-feira, dia 18, na Câmara dos Vereadores de Campinas, a ALESP lançou o Índice Paulista de Responsabilidade Social – IPRS, e a Prefeita Eliane Lorencini, de Jarinu, esteve presente para receber os cumprimentos e aplausos por Jarinu estar no Grupo 1, entre as cidades da Região Administrativa de Campinas.

De acordo com a Prefeita de Jarinu, o IPRS é como o IDH, pensado e adaptado as especificidades do município, sendo uma comparação saudável do município, e do território, em três dimensões: riqueza, escolaridade e longevidade.

“Essa é a nona edição ano. O conjunto dos dados apresentados nos mostra que estamos no caminho certo, investindo de maneira adequada e saudável, garantindo qualidade nos três fatores analisados, deixando Jarinu no Grupo 1”, disse Eliane Lorencini

Jarinu estava no Grupo 4, agora estamos no Grupo 1. Em síntese é possível afirmar que Jarinu teve seus indicadores agregados de riqueza e escolaridade crescentes, em oposição à queda na longevidade. Em termos de indicadores sociais, o escore de longevidade situou-se abaixo do nível médio, enquanto o de escolaridade superou a média estadual, em 2014.

Para finalizar, a Chefe do Executivo disse que estava muito feliz ao saber que os indicadores mostram uma cidade em crescimento ordenado. “A taxa de atendimento escolar de crianças de 4 e 5 anos manteve-se em 100%, e a média de proporção de alunos do 5º ano do ensino fundamental da rede pública, que atingiram o nível adequado nas provas de português e matemática, cresceu de 35,9% para 45,8%. Temos que comemorar, pois nossa cidade adicionou pontos em seu escore de escolaridade e, em consequência, o indicador agregado situou-se acima do nível médio do Estado”, finalizou.

IPRS

O Índice Paulista de Responsabilidade Social – IPRS -, é produzido pela Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, através do Instituto do Legislativo Paulista – ILP, juntamente com a Fundação Seade. O IPRS trata-se de uma estratégia ferramenta para avaliação e planejamento da gestão pública.

“Criado há 16 anos o indicador nasceu com incumbência, nada modesta, de mensurar o grau de desenvolvimento humano de todos os municípios paulistas. Assim sendo, era fundamental que se levasse em conta aspectos econômicos, mas não apenas: dimensões relativas à qualidade de vida das pessoas, vida social e envelhecimento também precisavam ser considerados”, disse Dalmo Nogueira Filho, diretor executivo da Fundação Seade.

Grupo de Capoeira Afro Brasileira de Jarinu gradua alunos

Quem nunca viu uma roda de capoeira e sentiu vontade de sair jogando com os capoeiristas, deixou de conhecer uma das artes que mais cresce no Brasil. Isso mostra o quanto ser capoeirista não é mais um hobby, mas profissão para muitos. Em Jarinu não é diferente, por isso o grupo de Capoeira Afro Brasileira, com o apoio da Prefeitura através da Secretaria Municipal de Esportes, realizou no último domingo, dia 15, a formatura dos irmãos Elson e Edemilton Schimit, a passagem a professor de 2º grau Marques e Berimbau, além de 16 trocas de graduação.

Durante o evento, que contou com a presença da prefeita Eliane Lorencini, da secretária Parlamentar, Fátima Lorencini, participaram também grupos de várias cidades da região, entre eles de Atibaia, Itatiba, Campo Limpo Paulista, Mairiporã, Tuiuti, Bragança Paulista, Santa Isabel e Hortolândia. A cerimônia teve, também, a participação dos padrinhos dos formandos Mestre Barra Mansa e Contra Mestre Pinheiro, de Riacho das Almas – Pernambuco, além dos vereadores João Lorencini e Chiquinho Lava Kar.

Após a comemoração houve vários momentos para que os alunos, e capoeiristas convidados, pudessem jogar mostrando que a arte não possui características violentas. O Grupo de capoeiras agradeceu ao apoio da Prefeitura de Jarinu e também de seus patrocinadores.

Serviço:

Aulas de Capoeira com o Mestre Edivaldo

Quadra da Nova Trieste (ao lado da Igreja Mãe Rainha)

Segundas-feiras – das 08h às 10h ou das 13h às 16h

Quadra do Maracanã (ao lado da UBS)

Quintas-feiras – das 08h às 10h ou das 13h às 16h

Salão CRAS (Centro – Rua XV de Novembro)

Segundas e quintas-feiras das 19h às 21h

Informações (11) 4016-3232

Inscrições gratuitas: no local das atividades

Jarinu Bicicross Clube conquista 03 ouros na 7ª etapa do Campeonato Paulista de BMX

A pista de bicicross “Luciano Bruni”, na cidade de Jacarei recebeu no último domingo, dia 15, o Campeonato Brasileiro de Bicicross, principal evento do calendário nacional que contou com a participação de mais de 300 atletas de todo o estado. Jarinu participou com 23 pilotos.

No domingo, dia da competição, Jarinu saiu mais uma vez na frente, levando para o pódio a jovem Gabrielli Fagundes Souza, na categoria Girl até 11/12, em 1º lugar, acompanhada do jovem Fernando Pimentel, na Expert 6, e Mardevacson Fonseca, na Expert 14 anos. Os três trouxeram medalha de ouro para o município.

Responsável pela equipe, Selma Guimarães destacou a união entre os pilotos. “Jarinu levou apenas 23 atletas, e conquistamos 17 vezes o pódio. Isso demonstra a preocupação e a união dos pilotos. Eles estão sempre apoiando um ao outro, infelizmente nem todos conseguem o pódio, mas torcemos mesmo assim”, destacou.

Classificação dos pilotos

Gabrielli Fagundes Souza…………………………………….Girls até 11/12…….1º Lugar

Fernando Marrane Pimentel………………………………Expert 6………………….1º Lugar

Mardevacson Silva Fonseca…………………………..Expert 14…………………..1º Lugar

Tarcisio Lorencine Batistel……………………………….Expert 8…………………….2º Lugar

Pedro Antonio da Silva………………………………………..Novatos até …………3º Lugar

Matheus Pozzi Uvinha…………………………………………Novatos 17+………..3º Lugar

Pablo Henrique dos Santos………………………………Cruiser 17-24………….3º Lugar

Alexandre Marrane Pimentel…………………………….Expert 8…………………..3º Lugar

Gabriel Dias Soares……………………………………………Novatos até 6……….4º Lugar

Gyulia de Jesus Silva…………………………………………..Girls até 10………….4º Lugar

Wellington Fagundes Souza…………………………………Cruiser 17-24………4º Lugar

Wellington Sampaio…………………………………………….Cruiser 30-34………4º Lugar

Damião Costa Cruz……………………………………………Cruiser 35-39…………5º Lugar

Derick Pedro Garbin Cruz………………………………Expert 12……………………5º Lugar

Jefferson Souza……………………………………………Expert 40+…………………5º Lugar

Sergio Alves …………………………………………………….MTB…………………….7º Lugar

João Victor Paia de Araujo………………………………Expert 11…………………..7º Lugar

Fotos cedidas gentilemente por Selma Guimarães, Jarinu BMX, click de Brasil BMX (www.brasilbmx.com.br)

, ,

Jarinu participa de reunião do Circuito das Frutas em Vinhedo

Aconteceu na última terça-feira, dia 17, na Adega da Família Ferragut, em Vinhedo, mais uma reunião ordinária de Prefeitos e representantes do Polo do Circuito das Frutas. Durante o encontro, a pauta discutida foi o lançamento da revista do Circuito das Frutas, a IV Cavalgada Itatiba até Jarinu, além da pauta financeira de responsabilidade fiscal.

O prefeito de Vinhedo, e presidente do Circuito das Frutas, Jaime Cruz, deu as boas-vindas aos convidados e agradeceu à família Ferragut por abrir o sítio as demais cidades participantes. Já a Prefeita Eliane Lorencini, que estava acompanhada do vice Cláudio Catroque e do secretário de Cultura, Turismo e Lazer, parabenizou a equipe de trabalho e disse que Jarinu esta aberta para receber os turistas.

“Estamos reestruturando muitas coisas em nossa cidade. Já entregamos o Plano de Turismo, para que o governo nos reconheça como Município de Interesse Turístico e demande verbas para cidade. Estamos realizando algumas atividades resgatando tradições. Acreditamos estar no caminho certo mesmo tendo um ano tão difícil financeiramente em todos os setores, porém estamos abertos para recepcionar a todos”, disse Eliane Lorencini.

O Circuito das Frutas é formado por Atibaia, Indaiatuba, Itatiba, Jarinu, Itupeva, Louveira, Jundiaí, Morungaba, Valinhos e Vinhedo. Foi criado em 2002 com o objetivo de facilitar a integração entre os municípios produtores de furtas e outros produtos rurais, como vinhedos, aguardentes e licores.

Mais informações ligue para (11) 4016-4611

Professores da Rede Municipal têm palestra com especialista

Valdete Zorate falou sobre Gêneros com os professores durante Horário Pedagógico

Foi realizado no último dia 04 de outubro, para os professores da Rede Municipal de Ensino de Jarinu, durante o HTPC – Horário de Trabalho Pedagógico – palestra com a especialista professora Valdete Zorate, sobre sexualidade e gêneros, com o objetivo de discutir – de forma clara – o assunto e transforma-lo em conteúdo pedagógico para ser tratado em sala de aula.

Durante a troca de experiências vivenciadas dentro da sala de aula entre os professores, a Especialista argumentou que “A Lei orienta que as escolas eduquem as crianças para que a responsabilidade das tarefas domésticas seja do casal, e que tal atribuição não afetará a masculinidade de ninguém. Nenhum filho será influenciado em seus comportamentos sexuais, se os pais fizeram-no lavar uma louça, varrer uma casa ou limpar seu quarto”.

Ao concluir, a professora Valdete Zorate frisou “se educarmos as crianças para a aceitação do outro, em sua essência, em sua forma de ser, se as educarmos para se colocarem no lugar dos outros, em seus conflitos e emoções, estaremos capacitando-as para serem profissionais do futuro”.

Prefeitura de Jarinu e Senar realizarão cursos de qualificação profissional

Entre os cursos estão de Minhocultura, Jardinagem e Orquídeas no mês de novembro

Promover a qualificação profissional do pequeno produtor rural, e daqueles que querer saber como é a vida no campo, é um dos objetivos da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente de Jarinu que – em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – Senar – promoverão mais três cursos no mês de novembro.

O primeiro curso é de Minhocultura, que acontecerá entre os dias 06, 07 e 08 de novembro. Em seguida é a vez do curso de Jardinagem – Implantação de Jardim, nos dias 07, 08, 09 e 10 de novembro, e por fim o curso de Orquídeas, entre os dias 20 e 22 de novembro.

Uma das missões do SENAR é o aspecto fundamental para o desenvolvimento do processo de Formação Profissional Rural (FPR), e de Promoção Social (PS), contribuindo com sua profissionalização, integração na sociedade, melhoria da qualidade de vida e pleno exercício da cidadania.

Já um dos principais objetivos é assistir o pequeno produtor rural, ensinando novos métodos para a execução de seu trabalho.

A Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente promoverá outros cursos durante o ano e, desde que iniciou em Jarinu, sempre teve turmas lotadas.

O endereço para inscrição é rua Contarini, 283, no bairro Trieste. O telefone de contato (11) 4016-3843 ou através do e-mail agricultura@jarinu.sp.gov.br para mais informações. Para inscrição é necessário ter 18 anos ou mais, e documentos pessoais.

,

Eliane Lorencini participou do lançamento do Índice de Efetividade da Gestão Municipal do TCESP

O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo lançou na segunda-feira, dia 09, o Índice de Efetividade de Gestão Municipal (IEG-M) 2017, e contou com a presença de prefeitos, presidentes de câmaras, vereadores e entidades privadas. Entre os prefeitos, destaca-se a presença da prefeita de Jarinu, Eliane Lorencini, que estava acompanhada da secretária municipal de Finanças, Marilsa Lorencini.

Prefeita foi recepcionada pelo Presidente do TCESP, conselheiro Sidney Beraldo

Secretária de Finanças acompanhou a Prefeita no lançamento do IEG-M 2017

 

 

 

 

 

 

 

“O lançamento do IEG-M nos mostra o rumo a seguir. Os dados apresentados são relativos à gestão 2016. Em 2018 começamos a trabalhar com o orçamento estipulado pela nossa gestão, garantindo maior efetividade dentro dos parâmetros estabelecidos”, disse Eliane Lorencini. A Prefeita destacou a queda no Índice principalmente pela crise que o País tem enfrentado nos últimos anos. “A arrecadação caiu, com isso o índice também cai, porém estamos ajustando as contas públicas para direcionar nossa cidade da melhor maneira”

IEG-M

Lançado em 2015, o IEG-M avalia sete áreas públicas: educação, saúde, planejamento, gestão fiscal, meio ambiente, proteção aos cidadãos (quesitos ligados à área da Defesa Civil) e governança de tecnologia da informação.

A partir desse levantamento, os municípios são classificados em faixas de resultado: altamente efetiva (A), muito efetiva (B+), efetiva (B), em fase de adequação (C+) e baixo nível de adequação (C). Exceto pela capital, foram analisadas todas as demais 644 cidades do Estado.

“Cada vez mais os cidadãos reivindicam o acesso legítimo a informações que lhe permitam avaliar os resultados das ações dos gestores públicos”, explicou o Presidente Sidney Beraldo. “Além de contribuírem para o aprimoramento do controle externo e das fiscalizações, os dados do IEG-M podem ser usados pelas administrações como uma ferramenta para a correção de rumos, reavaliação de prioridades e consolidação do planejamento.

Por: AssComPMJ – com informações TCESP

, ,

Obras da creche escola no Maracanã estão em ritmo avançado

Unidade Escolar contará com 12 salas de aula e 1.510,23 m² de área construída

A Prefeita Eliane Lorencini esteve na última semana, acompanhada do vice Prefeito Cláudio Catroque, no canteiro de obras da escola de educação infantil, creche escola, no bairro Maracanã. Na ocasião não foram encontradas irregularidades, e a prefeita parabenizou os responsáveis pelo ritmo do trabalho.

Segundo a chefe do Executivo “esta é uma grande obra que a Prefeitura pretende entregar antes do prazo.  Além disso, a Prefeita destacou que a construção dessa Unidade é para atender a demanda, não só do bairro, mas de toda região do Maracanã.

Durante a vistoria, juntamente com o Vice Prefeito, a Prefeita caminhou pela obra, com os engenheiros responsáveis, verificou se os procedimentos estavam sendo seguidos de acordo com o projeto, e solicitou que fosse feito imagens para arquivo no caso de futuras averiguações.

“Essa é uma conquista para o município. Toda cidade ganha e não apenas o bairro. Os alunos que hoje, por um motivo ou outro, se descolam para outras unidades, não irão mais precisar, quando a Escola for entregue”, finalizou Catroque.

A Unidade Escolar de Educação Infantil Tipo I, do Governo Federal, desenvolvido para o Programa Pro-infância, terá capacidade para atender até 396 crianças em dois turnos, e 188 em período integral, distribuída nas faixas etárias de 0 a 5 anos e 11 meses, da seguinte forma: Creche I- 0 até 11 meses; Creche II – 1 ano até 1 ano e 11 meses; Creche III – 2 anos até 3 anos e 11 meses, e Pré-escola para crianças de 4 até 5 anos e 11 meses.