Secretaria de Assistência Social formou alunos para o mercado de trabalho

Em parceria com o Fundo Social de Solidariedade de Jarinu, através da Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social, aproximadamente 279 certificados foram entregues na última sexta-feira, dia 15.

Presentes, ao lado dos formandos, a Prefeita Eliane Lorencini e seu vice Cláudio Catroque parabenizaram todos os alunos por mais uma etapa concluída. “Continuem atrás do objetivo de vocês. Esse é o primeiro passo e mais importante na vida de vocês. A qualificação não para por aqui e todos devem buscar o melhor”, disse a Prefeita.

Fabiana Garutti, secretária da Pasta de Desenvolvimento falou sobre o desenvolvimento do curso durante o ano e que pretende estender para os bairros. “Sabemos a dificuldade que as pessoas encontram em vir para o centro, por isso – a partir do próximo ano – queremos levar alguns cursos – como experimento – para os bairros afastados”, disse.

Já a Presidente do FSS de Jarinu, Fátima Lorencini, disse que “Os cursos são importantes na vida de qualquer pessoa, e no que depender do Fundo Social, em parceria com a Prefeitura e a sociedade, cursos novos surgirão”.

A porta de entrada para os cursos é através do Centro de Referência e Assistência Social – CRAS. Lá os interessados encontrarão a listagem de cursos gratuitos oferecidos pela Secretaria de Desenvolvimento e também pelo Fundo Social de Solidariedade.

No total foram certificados 22 alunos do curso livre de Teatro, 22 alunos de Manicure, 21 alunos de Maquiagem, 22 diplomas para Pintura em Tecido, 30 diplomas para o curso de Desenho Artístico, 13 para curso de feltro, 25 para violão, 63 para massas italianas, 30 panificação artesanal e 31 formandos de workshop da padaria artesanal

Galeria de fotos ► clique aqui

,

Grupo de teatro do CRAS apresenta peça Jardim das Rosas Vermelhas

O Grupo de Teatro de crianças e adolescentes do Centro de Referência de Assistência Social – CRAS, da Prefeitura de Jarinu, apresentou na última sexta-feira, dia 01, a peça Jardim das Rosas Vermelhas, com texto e direção do ator e professor Daniel Di Sevo.

De acordo com Di Sevo a peça traz um pouco do teatro de Constatin, ator e diretor russo, que inovou, entre os séculos XIX e XX com novas referências no campo de atuação.

Escrita por Daniel Di Sevo, Jardim das Rosas Vermelhas retrata a vida da personagem Geni, uma adolescente que depara-se com conflitos existenciais e descobre neste jardim o significado da vida e dos sentimentos que a rodeiam. Seu pai Herculano vê na vida da filha o desespero de suas angústias e lamúrias. Além disso, a peça é um questionamento sobre a vida, onde suas pétalas são os sentimentos que permeiam a mente humana: a morte, o medo e a esperança.

Presente no evento, a Prefeita Eliane Lorencini, acompanhada do vice-prefeito Cláudio Catroque, parabenizou os alunos-atores pela atuação. “Gostei muito. Percebi a desenvoltura dos alunos durante a atuação. Todos estão de parabéns”.

Para Secretária de Assistência Social, Fabiana Garutti, “é importante ver a alegria dos jovens ao apresentarem a peça e terem o trabalho proposto concluído”. A Secretária também lembrou que “ainda há vagas para o curso de teatro”.

Quem também prestigiou os alunos foi a Presidente do Fundo Social de Solidariedade de Jarinu, Fátima Lorencini. “Fiz questão de prestigiar e, ainda, gravar toda a peça, pois ela nos traz motivação para pensar e viver melhor no mundo de hoje”.

,

Curso de violão do Fundo Social forma 25 alunos com apresentação na Praça da Matriz

Oferecido pelo Fundo Social de Solidariedade, da Prefeitura de Jarinu, o curso de violão tem sido motivo de grande procura desde que abriu a primeira vaga. Isso mostra que o FSS esta no caminho certo proporcionando, a população, cursos de qualificação profissional, e por que não, também de música.

Com esse objetivo, após seis meses, o FSS conseguiu formar 25 alunos que aproveitaram o momento para fazer uma apresentação na Praça da Matriz, formando uma orquestra dirigida pela professora e musicista Nádia Bulgarelli.
“Estamos felizes com a formatura dos alunos do curso de violão. Há muito tempo as pessoas estavam procurando, por isso resolvemos abrir e ver se teria demanda, por incrível que pareça lotou no primeiro dia e segue até hoje”, disse Maria de Fátima de Moura Lorencini, presidente do FSS Jarinu.


Ao lado do público, acompanhada do vice Prefeito Claudio Catroque, a Prefeita Eliane Lorencini, parabenizou a professora e os alunos por não desistirem. “No começo tudo é complicado, mas se entram para um curso é para não desistir e hoje temos o resultado desses seis meses”, completou.
Para Fabiana Garutti, secretária de Desenvolvimento Social todos podem participar dos cursos oferecidos. “Temos diversos cursos oferecidos para qualificação profissional. Alguns com fila de espera e outros não. Para o curso de violão se o aluno já tem o instrumento ajuda e muito, mas a Secretaria de Desenvolvimento também empresta alguns equipamentos”, frisou.

SEXTA CULTURAL
As apresentações aconteceram a convite da secretaria de Cultura, Turismo e Lazer, durante o projeto Sexta Cultural que tem atraído e revelado artistas de Jarinu.
“Fico muito contente e acredito que o projeto, desde que iniciou em Junho, tem cumprido seu papel que é revelar artistas da própria cidade. Temos que valorizar nossos artistas e futuros artistas”, disse Rosiney Gesualdo, secretário da Pasta.
O projeto acontece quinzenalmente e mais informações podem ser obtidas ligando na Secretaria de Cultura, através do número (11) 4016-4611.

Prefeita e vice visitam cursos do Fundo Social de Solidariedade de Jarinu

Eliane Lorencini e Cláudio Catroque estiveram acompanhados da Presidente do Fundo Social de Solidariedade, Maria de Fátima Moura Lorencini e da secretária de Desenvolvimento e Assistência Social, Fabiana Garutti, na última semana, na sede do FSS para acompanhar as atividades que vem sendo realizadas, entre elas dos cursos de Padaria Artesanal, massas, violão, pintura em tela e desenho artístico.

“Estamos muito contentes com as atividades que o Fundo Social de Solidariedade esta promovendo para nossa população. Alguns estão com lista de espera e a demanda é muito grande, isso mostra que estamos no caminho certo quando o assunto é qualificação de pessoas. Parabenizo a todos os envolvidos”, disse Eliane Lorencini.

Cláudio Catroque também aproveitou para parabenizar todos os alunos que fazem com que os cursos aconteçam. “Sem vocês esses cursos não teriam sentido. Além disso os professores estão de parabéns”, ressaltou.

A primeira visita aconteceu no curso de Padaria Artesanal, onde acontecia o preparo de sonhos e “sandálias franciscanas”, pelas alunas da professora Paola Petrilli. “É uma honra ensinar os alunos e depois ver que todos, na medida do possível, conseguem se qualificar e aumentar a renda familiar”, disse a professora.

Ao sair do curso de panificação, a Prefeita se dirigiu ao curso de Violão comandado pela professora Nádia Bulgarelli que já prepara, para esta sexta-feira, dia 2, as crianças e adultos para uma apresentação na Praça da Matriz.

“Disponibilizamos violões, material para o curso, porém se o aluno já tem violão é mais fácil, pois conseguimos atingir aquele que não tem condições de comprar”, afirmou Fabiana Garutti, do Desenvolvimento Social.

Para terminar as visitas o último curso a ser vistoriado foi o de pintura em tela e desenho artístico. A professora Bernadete com sua técnica conquistou os alunos que – em menos de cinco aulas – já estão desenhando como ‘profissionais’. “Todos tem potencial e nós buscamos isso”, finalizou Eliane Lorencini.

Para saber mais sobre os cursos oferecidos os interessados podem ligar para (11) 4016-5634, ou pessoalmente no CRAS – rua Leão Rachmann, 11, próximo ao terminal rodoviário.

Cursos oferecidos pela Secretaria de Desenvolvimento Social têm grande registro de inscritos

A grande procura pelos cursos gratuitos, oferecidos pela Prefeitura de Jarinu, através da Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social, juntamente com o Fundo Social de Solidariedade, fez com que todas as vagas, entre elas as suplentes para violão, padaria artesanal e massas italianas fossem preenchidas em menos de uma semana.

Para Fabiana Garutti, Secretária Municipal de Desenvolvimento Social, o número de inscritos superou o esperado, e alguns cursos tem prazo de duração, por esse motivo não conseguirá atender a todos de imediato, mas sempre que há desistência – ou encerramento da carga horária – novos são chamados para preenchimento das vagas.

“Ficamos felizes com a procura pelos cursos gratuitos. Nossos professores estão empenhados em partilhar o conhecimento com todos. Foram preparados e qualificados para repassarem aos inscritos o melhor possível”. A Secretária também destacou que “o número de vagas se esgotaram rapidamente, mas sempre que há desistência o número mínimo é mantido, e ao término do curso, novos inscritos são chamados”.

Atualmente os cursos com vagas abertas são: Desenho Artístico, a partir de 12 anos de idade, todas as terças e quintas-feiras; Feltro e Patch Aplique, as quartas-feiras, das 08h às 17h, e as quintas-feiras das 8h às 12h. Os cursos de Flauta também estão com vagas disponíveis para adultos (sexta-feira das 18h às 19h), as crianças poderão participar aos sábados das 08h às 09h (08 a 10 anos), das 09h às 11h (05 a 07 anos), das 11h às 12h (08 a 10 anos). Para os cursos de arraiolo, as aulas acontecem as sextas-feiras das 08h às 17h.

INSCRIÇÕES

As inscrições acontecem no Centro de Referência de Assistência Social – CRAS, que fica na Rua Leão Rachmann, 11, próximo ao Terminal Rodoviário. As aulas acontecem nos espaços do Fundo Social, na rua XV de Novembro.

, , , ,

Grupo de Dança da Terceira Idade de Jarinu participará do Festival Deusas que Dançam

Neste sábado, 14 de outubro, o Grupo de Dança da 3ª Idade de Jarinu, que tem o apoio da Prefeitura e Secretaria de Esportes de Jarinu, estará se apresentando com a coreografia “Vem dançar com a gente”, na 25ª edição do festival “Deusas que Dançam, Folclores do Mundo”, realização do Instituto Kether, sob direção da bailarina Sara Yacov, no Teatro Polytheama – Jundiaí às 20h. Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do Teatro.

Grupo de Danças se apresentará na sábado, dia 14/10, no Polytheama

“Vem dançar com a gente”, transmite todo o entusiasmo e todo o prazer que a dança proporciona em qualquer idade. Com coragem para inovar, “Vem dançar com a gente” mostra dinamismo, jovialidade, liberdade, vigor, realização e alegria, numa viagem de volta à adolescência. Um divertimento para renovar nossas energias, onde nada é impossível quando há vontade de viver. “Nunca antes, idosas dançaram uma coreografia radical como essa. Minha inspiração partiu do cotidiano onde pessoas se unem para um espetáculo curto a fim de surpreender e divertir o público com uma performance espontânea”, diz a bailarina e coreógrafa Eliana Brega.

Semana Nacional do Idoso foi comemorada com diversas atividades

Apresentações de dança, encontros, palestras e testes de saúde foram destaques na Semana Nacional do Idoso, que é comemorado dia 01 de outubro, porém antecipado para última semana de Setembro, em Jarinu. As atividades tiveram grande demanda de público durante cinco dias.

As atividades tiveram início na segunda-feira, dia 25, porém na terça-feira, dia 26, a abertura oficial aconteceu no Centro de Convivência do Idoso – CCI -, aberto ao público, e contou com a presença da Prefeita Eliane Lorencini, do vice Cláudio Catroque, da secretária de Desenvolvimento Social, Fabiana Garutti, e da presidente do Fundo Social de Solidariedade, Fátima Lorencini.

Para Prefeita a semana do Idoso faz lembrar o carinho e respeito que todos precisam ter no trato diário com as pessoas de mais idade. “Cresci e moro ao lado de minha avó. Até hoje vejo a preocupação que ela tem com os netos e bisnetos, até mesmo com seus filhos. Temos que agradecer todos os dias e praticar o carinho e respeito com todos”, disse Eliane Lorencini.

Já a Secretária de Desenvolvimento Social, Fabiana Garutti, enfatizou alguns princípios da lei, e lembrou que é direito de todos o acesso as atividades. “Oferecemos – pelo Poder Executivo – tudo aquilo que podemos, pois temos conhecimento da Lei do Idoso e assim fazemos. Vocês estão de parabéns”

O vice-Prefeito Cláudio Catroque aproveitou o momento para parabenizar o público presente e relembrou uma história que seus avós contavam, na década de 80, afirmando que “não se pode desistir quando outros querem que desistimos”. Por fim, a presidente do Conselho Municipal do Idoso, Zuleika Oliveira, e também responsável pelas atividades realizou uma roda de conversas, além de danças e distribuição de brindes.

Ainda na abertura do evento o Grupo de Teatro de Jarinu encenou uma pequena peça retratando o trato diário dos adolescentes com os idosos, seguido de um café da manhã oferecido pelas alunas e professora do curso de Padaria Artesanal do Fundo Social de Solidariedade.

SAÚDE

Na Saúde as Unidades de Estratégias da Saúde da Família prepararam durante toda semana palestras, encontros com músicas, e testes de diabetes, HIV e Hepatite B/C. Os encontros promovem uma participação maior da população às Unidades, além de conhecer o trabalho oferecido pelas Agentes Comunitárias

ESPORTES

A Secretaria de Esportes realizou apresentação do Grupo de Danças da Terceira Idade, para comunidade na quarta-feira, dia 27. Na ocasião estiveram presentes os alunos da EE Jerônimo de Camargo, além da Prefeita, Vice-Prefeito, Secretário de Esportes com sua equipe, Secretária de Desenvolvimento Social e de Assuntos Parlamentares.

,

Grupo de Dança da 3ª Idade estará na abertura do 21º Enredança.

No próximo dia 04 de outubro no Teatro Polytheama em Jundiaí, às 19h30, o Grupo de Dança da 3ª Idade de Jarinu estará se apresentando como convidado no 21º Enredança. O convite partiu do Diretor de Cultura de Jundiaí, Marcelo Peroni.

Há quatro anos sob direção da bailarina e coreógrafa Eliana Brega, o grupo, que conta com o apoio da Prefeitura e Secretaria de Esportes de Jarinu, vem criando uma identidade própria através da transformação de seus elementos em bailarinas, o que é visível em suas performances.

Seu evidente crescimento pode ser medido através das classificações alcançadas nos eventos que têm participado: Medalha de Prata por três anos consecutivos nos Jogos Regionais dos Idosos, 1º Lugar no 20º Dançarte – onde alcançou a média máxima obtendo três notas 10 dos jurados – e no 21º Dançarte/2017, realizados em Salto-SP.

“Vem dançar com a gente”, transmite todo o entusiasmo e todo o prazer que a dança proporciona em qualquer idade. Com coragem para inovar, “Vem dançar com a gente” mostra dinamismo, jovialidade, liberdade, vigor, realização e alegria, numa viagem de volta à adolescência. Um divertimento para renovar nossas energias, onde nada é impossível quando há vontade de viver. “Nunca antes, idosas dançaram uma coreografia radical como essa. Minha inspiração partiu do cotidiano onde pessoas se unem para um espetáculo curto a fim de surpreender e divertir o público com uma performance espontânea”, diz a bailarina e coreógrafa Eliana Brega.

Os ingressos são gratuitos e podem ser retirados na bilheteria do Teatro à Rua Barão de Jundiaí, 176.

Fundo Social de Solidariedade recebe mais 400 doações para campanha do Agasalho 2017

O Fundo Social de Solidariedade de Jarinu recebeu, na última semana, doação de 429 peças de roupas variadas e 13 novos. As peças foram arrecadadas pela Concessionária Rota das Bandeiras e doadas ao município, sendo entregues a Secretária de Desenvolvimento e Assistência Social, Fabiana Garutti.

Para Secretária o gesto da Rota das Bandeiras faz com que não se perca a esperança nas empresas que acreditam e fazem as doações. “Ficamos emocionados, pois com essas peças somamos àquelas que recebemos e temos muito mais para doar ao próximo. A Rota das Bandeiras esta de parabéns com esse projeto”, relatou.

De acordo com a Rota das Bandeiras as doações são frutos de uma campanha da concessionária com funcionários e parceiros e as doações são distribuídas entre as cidades que fazem parte do corredor Dom Pedro I.

Mais de 4000 peças de roupas e agasalhos

Presidente do FSS Jarinu, Personagem Malu Moletom e Secretária de Assistência (dir)

A Campanha do Agasalho, que iniciou em Junho, e teve duração de três meses, encerrando dia 30 de setembro, arrecadou 4.390 peças de roupas variadas para crianças, jovens e adultos, além de cobertores.

Para Secretária Fabiana Garutti, que fez um agradecimento especial a todos os doadores, e a Rota das Bandeiras, o gesto de doar é muito importante, pois as pessoas estão cada vez mais pensando no próximo e sensibilizando com a importância em acolher o próximo.

“Aqueles que precisam das peças de roupas e cobertores podem se dirigir até o CRAS, pois centralizamos algumas distribuições lá. Ficamos gratos com todos que contribuíram na Campanha 2017, e esperamos que – não só na campanha, mas durante todo o ano as pessoas possam ajudar o seu próximo”, disse.

O CRAS fica na rua Leão Rachmann, 11, próximo ao Terminal Rodoviário. Já a Secretaria de Desenvolvimento Social está situada à Avenida da Saudade, número 70, Jardim Saúde.

,

Jarinu ganhará Escola de Modas do Fundo Social de Solidariedade de São Paulo

Foi assinado na manhã da terça-feira, dia 19, em Limeira, pela prefeita Eliane Lorencini, e pela presidente do Fundo Social de Solidariedade de Jarinu, Maria de Fátima Lorencini, o protocolo de intenções que dará oportunidade de inaugurar, nos próximos meses, após visita dos técnicos, a Escola de Modas, modalidade Corte e Costura, oferecido pelo Fundo Social de Solidariedade do Estado (FUSSESP), na ocasião a primeira-dama Lu Alckmin, participou da cerimônia.

Para Prefeita esse é o momento de qualificar para o mercado de trabalho. “Vivemos um momento de crise, com muito desemprego, quanto mais qualificação pudermos proporcionar para que a população gere renda, é garantia de um futuro melhor para todos”, disse.

Acompanhando a Prefeita, a Secretária de Desenvolvimento e Assistência Social, Fabiana Garutti, disse que não foi fácil a parceria, mas que com o empenho de todos a cidade ganha com a assinatura do Convênio. “São inúmeros documentos e levantamentos quantitativos que – muitas vezes – podem impedir a realização de um Convênio com o Estado. Fizemos tudo o que foi pedido por eles (Estado), e conquistamos a assinatura do Protocolo de Intenções”. Fabiana também aproveitou o momento para agradecer e parabenizar toda equipe da Secretaria de Desenvolvimento Social, e do Fundo Social de Solidariedade. “A união faz com que os projetos possam sair do papel Agradeço em nome de toda população”.

A parceria entre o Fundo Social e o município possibilitará a execução dos projetos da Escola de Qualificação Profissional, entre eles, a Escola de Moda na primeira modalidade Corte e Costura. “A união entre Estado e Municípios, a dedicação e a vontade dos representantes de cada cidade, é muito importante para a população. Quando se qualifica o ser humano, ele se torna independente, ele resgata a sua autoestima. O trabalho dignifica o homem”, comentou Lu Alckmin, primeira-dama e presidente do FSS do Estado de São Paulo.

“Jarinu já possui a Escola de Qualificação Profissional do Fundo Social, com cursos de Padaria Artesanal e Massas Italianas. Em breve serão oferecidos novos cursos para população”, finalizou Eliane Lorencini.