Departamento de Trânsito pede mais atenção e segurança de motoristas e pedestres

A cada dia cresce o número de veículos em todo o estado e nos municípios. Em Jarinu não é diferente. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, em dezembro de 2016 a cidade computava 10.159 automóveis, 652 caminhões, 1.557 caminhonetes e 3.582 motocicletas. Com o crescimento de veículos a educação no trânsito se faz cada vez mais necessária.

De acordo com o chefe do departamento de Trânsito de Jarinu, Pedro Júnior, pequenas atitudes são fundamentais e garantem à segurança de motoristas e pedestres. “Hoje as infrações cometidas pelos motoristas são, se formos analisar, por coisas simples, mas que não podem ocorrer”. Como exemplo o Coordenador citou, por parte dos motoristas, dirigir sem o uso do cinto de segurança e falar ao celular enquanto dirige, além de estacionar em vagas que não são destinadas, de idosos, portadores de necessidades especiais, carga e descarga.

Quem é pedestre também precisa ter mais atenção. Não são apenas os motoristas que cometem alguns deslizes, como cita Pedro Júnior. “Todos sabemos que o pedestre tem preferência, mas não tira a necessidade de atenção, por isso atravessar fora da faixa de pedestres, atrapalhar a passagem das pessoas nos passeios enquanto falam ao celular, cruzar as ruas e avenidas sem observar se esta vindo carro no mesmo sentido ou oposto são algumas eventualidades que não podem ocorrer”.

Outro conselho ao motorista é para que ele sempre informe, por meio de sinalização correta e dentro do tempo necessário, o que pretende fazer para que pedestres e condutores tenham tempo de planejar suas atitudes.

“Todos esses atos de infração não deveriam acontecer. Teríamos um trânsito muito mais seguro se boa parte dos motoristas e pedestres se conscientizassem. “Fazemos nossa parte com orientações, campanhas, palestras com alunos [que seguem exemplo dos pais], mas depende de todos”, finalizou Pedro Júnior.

 

 

,

Guarda Municipal divulga balanço comparativo 2016/2017

A GCM de Jarinu, da Secretaria de Assuntos para Segurança Pública, divulgou nesta semana o balanço referente aos serviços prestados à população entre 2016 e o comparativo com 2017. No total, houve um aumento no atendimento prestado a população de 31% com relação ao ano anterior.

Entre os mais de 45 diferentes tipos de ocorrências lançadas no balanço destaca-se um aumento no apoio ao policiamento militar e civil. Em 2016 foram apenas 8 contra 26 em 2017. Outro fator destacado foi o número de Boletins de Ocorrências lavrados na Delegacia de Polícia, com aumento de 57%, sendo 47 em 2016 e 74 em 2017.

O Relatório de Ocorrência (RO) saltou de 603 para 788 em 2017, e o atendimento a perturbação do sossego, atendidos, foi de 46 para 91, ou seja 98% a mais de casos resolvidos em 2017. O balanço da Guarda Civil Municipal também mostra que em 2016 foram localizados 4 veículos roubados, enquanto em 2017 os agentes conseguiram localizar 11, assim como o número de ligações atendidas pelo 153 quando em 2017 foram 258 e em 2016 aconteceram 207 atendimentos.

RODA ESCOLAR

Desde que o projeto Ronda Escolar iniciou, em meados de 2017, a guarda municipal atendeu e solucionou 38 ocorrências, contra apenas sete em 2016 quando não havia o projeto. Se comparado com o ano anterior o aumento ultrapassa os 100% em atendimento.

“Para a Guarda Municipal é motivo de orgulho contribuir com a sociedade. Trabalhamos em prol da sociedade jarinuense, tentando atender a todos da melhor maneira, zelando pelo patrimônio público – que é nosso dever -, e pela cidade. É um dever de todos contribuir para uma cidade cada vez melhor”, afirmou Alexandre Garcia, comandante da GCM.

DENÚNCIA PELAS REDES SOCIAIS

Implantada em Jarinu, inédito na região, o atendimento via aplicativo de mensagens instantânea (WhatsApp) recebeu, de setembro a dezembro de 2017 o equivalente a 105 chamadas. De acordo com a GCM todos foram atendidos. “Jarinu é pioneira no uso do aplicativo para receber denúncias e esperávamos, num prazo de três meses, após as fases de testes e recepção por parte da população, o aumento no número de atendimento”, completou o Comandante Garcia.

O Comandante da Guarda Municipal agradeceu o apoio da Prefeitura Municipal para os projetos desenvolvidos na GCM e, também, a comunidade por acreditar cada vez mais no trabalho da GCM.

Serviço

Guarda Civil Municipal

WhatsApp para denúncia (11) 98950-8148

Telefones (11) 4016-3099 | 3182-0030 | 153

Clique aqui – comparativo 2016 2017

Defesa Civil faz alerta para período de chuvas

A Secretaria Municipal para Assuntos de Segurança Pública, através da Defesa Civil de Jarinu faz um alerta para prevenir a população sobre os perigos na época de chuva, e uma das prioridades é para que todos fiquem atentos sobre as mudanças climáticas.

Em Jarinu não existe casos de enchentes, porém desde o início da estação chuvosa estão alertando a população.

Além disso, o Departamento alerta para os cuidados que devem ser observados. Todos devem fazer a limpeza da calha e deixar livre para passagem da água, limpar as galerias, não jogar lixo na calçada, nem nos bueiros.

Defesa Civil pede cautela durante período chuvoso

Caso o morador perceba a entrada de água, deverá manter sempre a calma e procurar um local seguro onde todos possam se alojar no caso de inundação. Documentos e objetos de valor e exames médicos devem estar sempre em local protegido e embalado em saco plástico. Portas, janelas e o registro de água deverão estar fechados. Com relação aos aparelhos elétricos desconecte da corrente elétrica para evitar curtos-circuitos.

Se for necessário deixar o imóvel, a família não deve hesitar, e avisar familiares próximos ou a Defesa Civil. As pessoas devem tomar cuidado durante a enchente evitando o contato com a água, ela esta contaminada e pode provocar doenças.

Após a chuva é necessário que a população tenha cuidado: É importante verificar se a casa corre risco de desabar, observando se há rachaduras ou desnível. Já os materiais e utensílios domésticos devem ser desinfetados

Para mais informações contate a Defesa Civil diretamente pelo telefone emergência 4016-2035 ou 9.4536-9360

,

Operação Tapa Buracos retorna na Natal Lorencini

O Departamento de Trânsito, da Secretaria de Assuntos para Segurança Pública, da Prefeitura de Jarinu, pede atenção aos motoristas que passam pela Natal Lorencini, estrada municipal que liga Jarinu à Jundiaí e outros bairros.

De acordo com o chefe do Departamento, Pedro Júnior, a operação Tapa Buracos é realizada pela secretaria de Serviços Públicos e os funcionários do trânsito orientam motoristas e pedestres. Por outro lado, Júnior orienta que a cautela é necessária em todos os momentos.

“Ora somos motoristas, ora somos pedestres, por isso a atenção tem que existir em todos os momentos. Quando respeitamos as sinalizações e a Lei de Trânsito certamente cometeremos menos imprudência”. Além disso, o Chefe frisou que a maioria dos acidentes acontecem por falta de atenção do motorista, motociclista e, até mesmo, do pedestre.  “Todos abusam das Leis, e o acidente acontece”

MANUTENÇÃO DAS VIAS

A manutenção nas faixas de trânsito e de pedestres continuam. Dessa vez o serviço avança, após passar pelo Centro, para o bairro Nova Trieste, em seguida será a vez da estrada Atílio Squizato, até o bairro Campo Largo.

“Temos uma sequência planejada para seguir. Trocamos o dia pela noite para que o serviço fique mais ágil com a redução de veículos e pedestres nas ruas.

“Agradeço aos funcionários das secretarias e do Departamento de Trânsito que estão empenhados em cuidar da cidade fazendo o melhor para todos”, finalizou Pedro Júnior

,

Centro Empresarial de Jarinu faz doação de carro para Guarda Civil Municipal

A Prefeita Eliane Lorencini, acompanhada do vice-Prefeito Cláudio Catroque, e dos vereadores Everton Lorencini, Clóvis Calixto e Eduardo Matias, recebeu na tarde da quarta-feira, dia 13, um veículo modelo Gol, da Volkswagen, doado pelo Brazilian Business Park, o maior centro empresarial da América Latina, situado no município de Jarinu.

De acordo com a Prefeita o veículo chega em boa hora, além de ser um presente de natal para a população, e a cidade só tem a agradecer ao empresário do Grupo BBP. “Através do empenho dos três vereadores, que solicitaram a doação para o empresário, conseguimos aumentar nossa frota da GCM. O veículo vem em boa hora. Não é zero quilômetro, mas esta em bom estado de conservação e com baixa quilometragem, o que garante maior tempo de uso para a municipalidade”.

Após receber as chaves das mãos do empresário, Eliane Lorencini e Cláudio Catroque entregaram para o comandante da Guarda Municipal, Alexandre Garcia, que estava acompanhado do subcomandante Siqueira e do Secretário de Assuntos para Segurança Pública, Coronel Aparecido Mondim.

Para o empresário e dono do Centro Empresarial a contribuição é uma ajuda que ele pode oferecer ao Município. “Esse veículo é para vocês. Ficamos felizes por vocês”, disse em poucas palavras.

Os três vereadores, responsáveis pelo pedido, também agradeceram. “Esse é um presente de natal para população, que vem em boas horas. Não poderia ser diferente e vamos em busca de muito mais conquistas”, disseram.

O objetivo da Prefeitura é permanecer cada vez mais em busca de inovações para a segurança pública da cidade e da população.

CENTRO EMPRESARIAL BBP

Situado às margens da Rodovia Dom Pedro I, há mais de 20 anos no mercado, o BBP- Brazilian Business Park desenvolve, incorpora e constrói condomínios industriais e logísticos. Com uma infraestrutura condominial completa, oferece serviços adicionais as empresas, buscando sempre estar à frente das necessidades dos clientes ofertando novos serviços. Além disso, realiza a comercialização de espaços e a administração condominial e dos serviços para que as empresas foquem 100% no seu próprio negócio.

Manutenção da sinalização das faixas horizontais é contínua

A Prefeitura de Jarinu, por meio do Departamento de Trânsito, da Secretaria de Assuntos para Segurança Pública, voltou a realizar, desde o dia 01 de dezembro os serviços de restauração e manutenção das faixas de sinalização horizontal, entre elas as que indicam “pare” e as faixas de pedestres. Em alguns trechos as pinturas das faixas de rolamento também estão sendo reforçadas.

Nesse primeiro momento os trabalhos estão sendo executados sentido bairro – centro – bairro, partindo do Pitangal, chegando ao Jardim Bonança, Centro e seguindo para os bairros como Maracanã até o Campo Largo e Nova Trieste.

“Nossos trabalhos tem sido contínuo. Não paramos, pois cabe ao Departamento à fiscalização do trânsito, a manutenção da via horizontal e vertical. Pedimos sempre mais atenção dos pedestres e dos motoristas. As infrações sempre são cometidas por falta de atenção, na maioria das vezes”, disse Pedro Júnior, chefe do Departamento.

Eliane Lorencini, prefeita de Jarinu, parabenizou toda equipe do Departamento de Trânsito. “Eles têm feito um ótimo trabalho. Diante da crise que estamos enfrentando e tem atingido nossa cidade, o pouco que conseguimos é o muito e esperamos no próximo ano melhorar ainda mais”.

A execução desse trabalho já estava prevista, porém com as chuvas o andamento das pinturas diminuiu, e assim que terminar as ruas centrais, a operação seguirá para os bairros. Devido ao fluxo de veículos o trabalho é executado no período vespertino e noturno. O Departamento de Trânsito pede e agradece a compreensão dos motoristas.

, ,

Alunos da Rede Municipal escolhem nome e brasão para Ronda Escolar da GCM de Jarinu

Guardiões da Paz foi o nome escolhido pela equipe da Educação e da Guarda Municipal.

Acompanhados de pais, amigos e familiares, quatro alunos, entre os mais de 900 participantes, dos 4º e 5º anos da Rede Municipal de Ensino, receberam – na última sexta-feira, dia 24, na Câmara Municipal – a premiação por terem participado do concurso que elegeu o nome para a Ronda Escolar da Guarda Municipal de Jarinu.

Depois de 23 dias de criação, e escolha, o nome eleito foi Guardiões da Paz, da aluna Sabrina Wendrilly Martins de Souza, da EMEF Maria de Lourdes. O Brasão, que traz um símbolo com uma pomba da paz, foi criado pela aluna Kauani Borges, da EMEF Fioravante Doratiotto. Agora, brasão e nome irão compor o fardamento da Ronda Escolar.

Representando a prefeita Eliane Lorencini, o vice-Prefeito Cláudio Catroque parabenizou os alunos vencedores e aos pais e professores, além da GCM por incentivarem o Projeto. “As crianças são o futuro da nossa cidade. Devemos incentivá-las, cada vez mais, a produzir projetos como este”.

Também participaram do evento vereadores, Guardas Municipais, secretários municipais, professores, coordenadores, Comandante e Subcomandante da Guarda Municipal de Jarinu

PROJETO

O objetivo do projeto foi dar uma identidade para Ronda Escolar, solicitando ideias aos alunos, fortalecendo, dessa maneira o vínculo já iniciado com as visitas, estimulando à criatividade, além de desenvolver a relação da Guarda Municipal com a comunidade em geral.

Acompanhada do comandante Alexandre Garcia, e do Subcomandante Siqueira, a GCM Alves e a GCM Isabel, responsáveis pelo projeto afirmaram que mostraram para os alunos “a figura do policial”, pois “não precisaram ter medo, uma vez que muitos têm medo ao verem a GCM ou a PM”, dando ênfase “aos valores que estão cada vez mais distorcidos na sociedade”.

PREMIAÇÃO

Brasão eleito – aluna Kauani Borges – EMEF Fioravante Doratiotto

Nome eleito “Guardiões da Paz” – aluna Sabrina de Souza – EMEF Maria de Lourdes

Destaque Brasão – aluna Isabela Brassioli – EMEF Mario Covas

Destaque frase – aluno Lucas Damasceno Vieira – EMEF Pedro Ferrara

Professora homenageada – Ana Paula Nucci de Camargo – aluna Sabrina

Professora homenageada – Kátia Renata Piscili da Silva – aluna Kauani

Agradecimentos – professores Cláudio Zara e Erenice de Moraes, GCM, professores e coordenadores, Secretaria de Educação.

Diretores – Selma e Karen

, ,

EMEF Pedro Ferrara é invadida por vândalos e tem sala de aula queimada

Cerca de 500 alunos ficaram sem aula na segunda-feira, dia 25.

Na manhã do sábado, dia 23, os Guardas Municipais de Jarinu foram acionados para conter um foco de incêndio que testemunhas tinham visto numa das salas de aula da EMEF Pedro Ferrara, na Vila Primavera, em Jarinu. Ao chegarem se depararam – não com um foco, mas realmente com um incêndio que já havia destruído boa parte da sala.

“Os Guardas tiveram que arrombar a porta da sala e apagar o fogo, em seguida chamamos pela Defesa Civil que nos auxiliou e interditou o local”, disse Alexandre Garcia, comandante da GCM, que não descartou a possibilidade do incêndio ser criminoso. Já, de acordo com Thiago Buckvieser, da Defesa Civil, os agentes estiveram de prontidão, avaliaram e fizeram o laudo para ser entregue nas investigações. “Agradeço o empenho de todos os agentes e da GCM, no combate ao incêndio”.

Cadeiras, armários, carteiras e todo material didático utilizado nas aulas da Educação Infantil integral foram perdidos no incêndio, além dos trabalhos dos alunos e a dedicação de um semestre inteiro.

Na segunda-feira, dia 25, as aulas precisaram ser suspensas nos dois períodos para que a perícia e a manutenção da energia fosse reestabelecida. Cerca de 500 alunos deixaram de ir para escola. “Infelizmente temos que cancelar as aulas hoje. Não é o que gostaríamos, pois sabemos que os pais trabalham, mas não temos o que fazer, pois boa parte da merenda foi perdida enquanto estivemos sem a energia elétrica”, relatou a secretária de Educação, Erica Silveira Lorencini Batistel.

Ainda de acordo com a Secretária Municipal de Educação os 15 alunos que frequentam período integral, na sala incendiada, estão sendo transportados até a EMEI Durvalina Brossi Pauletto, no bairro Água Preta, distante 2 km da unidade prejudicada. “Imediatamente já solucionamos o problema. Os monitores acompanham nossos alunos, com todo cuidado, no transporte escolar municipal, até a escola mais próxima no bairro Água Preta. Ninguém terá prejuízo no conteúdo pedagógico”, reafirmou.

Durante a semana os funcionários da manutenção escolar trabalharam nas salas de aula da EMEF Pedro Ferrara reestabelecendo a energia elétrica, além da troca do quadro de energia, que estava na sala incendiada e precisou ser trocado de local.

“Sentimos muito com quem fez tudo isso, pois quem perde são os alunos. O responsável pelo incêndio não pensou nas 500 crianças que estudam aqui”, finalizou Erica Silveira Lorencini Batistel.

,

Guarda Municipal de Jarinu previne violência no âmbito escolar

Ir além do patrulhamento ostensivo é o objetivo da Guarda Municipal de Jarinu que, desde o início do segundo semestre, tem atuado de maneira constante nas escolas municipais e estaduais do município. O órgão, vinculado à Secretaria para Assuntos de Segurança Pública, visa promover a construção de uma cultura de paz, prevenindo violências, evasões e a criminalidade.

Até o momento todas as escolas do município já receberam a GCM. Agora o trabalho que será realizado é para garantir a prevenção e inibir a presença de pessoas mal intencionadas nos arredores das Unidades Escolar.

“Trabalhamos em parceria com as diretoras das escolas. A Direção Escolar liga para Guarda e pede a presença. Fazemos o levantamento de tudo que esta acontecendo e apresentamos para os órgãos competentes”, disse Alexandre Garcia, comandante da GCM.

Garcia ainda informou que o efetivo da GCM tem recebido elogios, via canais de denúncias, parabenizando o trabalho efetuado. “Muitos estão utilizando os canais de denúncia para elogiar o trabalho do nosso efetivo. Isso é gratificante, pois estamos no caminho certo. Nossa missão é contribuir para uma sociedade cada vez melhor”, comentou.

Nas escolas, além da conversa com a Direção é feito um trabalho de palestras e conscientização por parte dos alunos, dessa maneira a aproximação da GCM na comunidade escolar é maior.

“Nós temos o trabalho de Ronda Escolar e agora vamos aprimorar muito mais frente aos obstáculos que estão aparecendo”, finalizou Comandante Garcia.

,

Jarinu discute pauta de Segurança Pública e Saúde no Aglomerado Urbano de Jundiaí

Durante reunião realizada na manhã da quarta-feira, dia 13, no Paço Municipal de Jundiaí, com a presença dos prefeitos do Aglomerado Urbano de Jundiaí – AUJ -, e do secretário adjunto de Segurança Pública do Estado, Sérgio Turra Sobrane, a Prefeita Eliane Lorencini, de Jarinu, discutiu assuntos relacionados à segurança pública e a saúde, ambos setores que precisam de mais ajuda.

“Sabemos que todos os setores são importantes e necessitam de atenção, mas precisamos de apoio do Governo do Estado de São Paulo no aumento do nosso efetivo policial, no envio de novas viaturas, e na segurança de nosso município. Outro assunto que colocado em pauta foi a proposta de elaboração de um plano regional de saúde”, disse a Prefeita de Jarinu.

Prefeita levantou questão sobre Segurança Pública no município

De acordo com o secretário Adjunto de Segurança Pública do Estado o Governo esta fazendo o possível e tem contemplado várias cidades da região, por esse motivo levaria ao Governador a pauta para análise e posterior retorno aos municípios.

Ainda durante a reunião, o Secretário Adjunto apresentou os índices de criminalidade da região do Aglomerado Urbano de Jundiaí e disse satisfeito com os números apresentados, pois representam uma diminuição na criminalidade. “Os números estão acessíveis para todos, basta acessar nossa página na Internet. Temos que melhorar todos os dias e esse é o grande esforço, mesmo diante da crise, que estamos fazendo”, finalizou Sérgio Turra.

Acompanharam a Prefeita durante a reunião o secretário Municipal de Assuntos para Segurança Pública, de Jarinu, Aparecido Mondin, o secretário de Saúde, Antenor Gomes Gonçalves, e o assessor de convênios, Harry Kowalski.