Alunos do curso de teatro da Prefeitura de Jarinu apresentaram As Aventuras de Alice no País das Maravilhas

Neste ano mais de 62 alunos se beneficiaram com as aulas de teatro sendo o curso com maior número de vagas e aulas oferecido pela Prefeitura.

Mais uma releitura de sucesso foi interpretada, na última sexta-feira, dia 06, pelos alunos do curso de teatro oferecido pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social, de Jarinu, no Salão Paroquial Nossa Senhora do Carmo.

Dessa vez os alunos atores subiram ao palco para apresentarem a releitura das aventuras de Alice no País das Maravilhas. Obra infantil mais conhecida de Charles Lutwidge Dodgson, publicada em 1865 sob o apelido de Lewis Carrol. É a mais célebre do gênero literário.

A peça conta a história de uma menina chamada Alice que cai numa toca de coelho que a transporta para um lugar fantástico povoado por criaturas peculiares revelando uma lógica do absurdo,  característica dos sonhos. Este está repleto de alusões satíricas dirigidas tanto aos amigos como aos inimigos de Carroll, de paródias a poemas populares infantis ingleses ensinados no século XIX e também de referências linguísticas e matemáticas frequentemente através de enigmas que contribuíram para a sua popularidade.

A Prefeita Eliane Lorencini, acompanhada do vice Prefeito Cláudio Catroque, prestigiou a encenação dos alunos atores e parabenizou a todos pelo encerramento do curso. “Fico feliz em ver nossos jovens curtindo o que estão fazendo. Nosso propósito é esse. Temos todas as áreas para cuidar, e quando falamos de cultura, ensino estamos abrangendo todos os setores. Estão de parabéns”, disse.

“Só temos a agradecer pelo trabalho que foi realizado com esses alunos. Conseguimos levar as aulas para algumas escolas, além de oferecê-la no Centro, e hoje vemos o resultado. Estão de parabéns”, finalizou Fabiana Garutti, secretária de Assistência Social

Para participar das aulas de teatro procure pelo CRAS – Centro de Referência de Assistência Social, na Rua Dr Arthur Bernardes, 85 – Centro, ao lado do salão Adonai, ou ligue (11) 4016-5634

DIREÇÃO

O diretor Daniel Di Sevo começou sua jornada no teatro em 1998. Estudou na Escola de Atores Wolf Maia, em São Paulo, uma das mais renomadas do país, e ganhou duas moções de aplausos nos anos 2005 e 2016, pela peça Jardim das Rosas Vermelhas, vencedora do Festival da Escola da Família, em 2005, representando o município de Jarinu. Especialista no método Stanislaviski, possuí abrangência de conhecimento no método da palavra, expressão vocal e expressão corporal.