Campanha Nacional de Vacinação começa na segunda (23)

A Secretaria Municipal de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica, informa que terá início na próxima segunda-feira, dia 23 de abril e prossegue até o dia 01 de Junho, a Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza. As vacinas ocorrerão nos postos dos bairros Vila Primavera, Maracanã, Nova Trieste e Campo Largo, além do Ambulatório Central (antiga Unidade Mista de Saúde).

A imunização é indicada para Crianças de 6 meses a menores de 5 anos;  Gestantes; Puérperas (mulheres no período de até 45 dias após o parto),  Trabalhadores da saúde (apresentar documento de identificação profissional);  Pessoas com 60 anos ou mais;  Portadores de doenças crônicas (com prescrição médica);  Professores das escolas públicas e privadas (apresentar documento de identificação profissional).

O DIA “D” será em 12 de Maio de 2018 (sábado), e todas as Unidades de Saúde dos bairros Maracanã, Nova Trieste, Vila Primavera e Central funcionarão das 08h às 17h, além do posto volante na Praça da Matriz, das 08h às 11h30 e das 13h às 17h.

Durante a semana da Campanha Nacional, a vacinação será realizada somente nas unidades de saúde das 08h às 16h30. É importante levar a caderneta de vacinação.

Etapas da Vacinação:

– a partir do dia 23 de abril: profissionais de saúde, indígenas e as pessoas com 60 anos ou mias de idade;

– a partir do dia 2 de maio: crianças entre 6 meses e menores de 5 anos de idade, gestantes e puérperas;

– a partir do dia 9 de maio: comorbidades, professores e os privados de liberdade.

NOTA INFORMATIVA VACINA PENTAVALENTE

Vimos por meio desta nota, informar que o município de Jarinu não dispõe da vacina Pentavalente, que protege contra difteria, tétano, coqueluche, hemóphilus influenza b e hepatite B.

Estamos sem receber esta vacina, que faz parte do calendário Nacional de Vacinação do Ministério da Saúde, devendo ser administrada em crianças com 2, 4 e 6 meses de idade, desde o mês de Março deste ano.

As vacinas que o município de Jarinu recebe, são distribuídas pelo Grupo de Vigilância Epidemiológica de Campinas, segundo os responsáveis pelo GVE, ainda não receberam a vacina pentavalente para fazer a distribuição aos municípios da região, e não há previsão de recebimento das vacinas.

A Equipe de Vigilância Epidemiológica informa, ainda, que a falta é geral em toda a região, e não apenas no município de Jarinu, e aguarda posicionamento da Secretaria Estadual de Saúde.

Estamos orientando os pais e responsáveis a entrarem em contato com a unidade de saúde para confirmar a disponibilidade da vacina pentavalente.

Sem mais,

Vigilância Epidemiológica de Jarinu

Equipe de Vigilância Epidemiológica vacinará no bairro Soares contra Febre Amarela

A Secretaria Municipal de Saúde Jarinu, vem por meio deste, comunicar que será realizada a vacinação casa a casa contra Febre Amarela no Bairro Soares no dia 07 de Abril de 2018.

Informamos que a vacina é de dose única, as pessoas que já receberam uma dose na vida não precisam ser vacinadas novamente, é indicada para pessoas a partir dos 9 meses de idade, os maiores de 60 anos serão avaliados. Pessoas realizando tratamentos específicos contra câncer, HIV, artrite reumatoide, doenças do timo, lúpus, doença de Addison, alergia grave á ovo, mulheres gestantes e amamentando crianças até 6 meses não poderão receber a vacina.

Jarinu faz parte da área de risco, pois temos casos da Febre Amarela Silvestre no município, até o momento foram diagnosticados 19 macacos que morreram por febre amarela, nos humanos foram diagnosticados 9 pessoas com a doença, sendo que 3 pessoas evoluíram ao óbito e mais 1 caso ainda está em investigação. A maioria dos casos de doentes é residente do Bairro Soares. Estas pessoas que ficaram doentes não haviam recebido a vacina contra Febre Amarela, que é o único meio de prevenção contra a doença.

A vacina está disponível nas unidades de saúde dos bairros Campo Largo, Maracanã, Nova Trieste, Primavera e Ambulatório Central em dias determinados a fim de evitar o desperdício de doses.

Jarinu já imunizou 98,6% da população contra Febre Amarela

A Secretaria Municipal de Saúde de Jarinu divulgou nesta quinta-feira, dia 15, que 98,6% da população jarinuense já foram imunizadas contra o vírus da Febre Amarela, isso corresponde a 27.633 pessoas.

De acordo com a enfermeira, responsável da Vigilância Epidemiológica, Gabriela Amorim “até o momento registramos 8 casos confirmados de Febre Amarela Silvestre em humanos, sendo que dois evoluíram a óbito”. Gabriela disse ainda que “existe mais um caso suspeito de Febre Amarela em um residente de Jarinu, que foi a óbito em Jundiaí, mas ainda não temos o resultado dos exames para descartar a Febre Amarela”. O resultado do exame, de acordo com a responsável, pode demorar até 30 dias, só depois, então, terão o resultado.

A Secretaria de Saúde informou, ainda, que não foram encontrados mais nenhum macaco morto com o vírus da Febre Amarela, e lembra que a vacinação continua nas Unidades Básicas de Saúde e no Ambulatório Central, com dias e horários determinados.

“É importante lembrar que para a vacinação é necessário levar, além da carteirinha, o comprovante de endereço ou comprovante de trabalho no município, se não for residente em Jarinu, e um documento com foto. Também lembramos que em Jarinu não existe vacinação fracionada e o que estamos aplicando é a dose única com 0,5 ml”, finalizou Gabriela Amorim.

CONTRA INDICAÇÕES

Gravidez, mães que estejam amamentando crianças com até seis meses de idade, história de reação alérgica grave após ingestão de ovo, ocorrida nas primeiras duas horas, doenças prévias (comorbidades), pessoas em tratamento específico ou uso contínuo de medicamentos, idade superior a 60 anos (somente com avaliação prévia), e menores de 9 meses de idade.

ESCALA DE VACINAÇÕES

Ambulatório Central: Terças e quartas-feiras – 10 senhas às 08h e 10 senhas às 13h

ESF Nova Trieste: Segundas e sextas-feiras – 10 senhas às 08h e 10 senhas às 13h

ESF Maracanã: Terças e quintas-feiras – 10 senhas às 08h e 10 senhas às 13h

ESF Campo Largo: Quintas-feiras – A partir das 13h com agendamento

ESF Primavera: Quintas-feiras – 10 senhas às 08h e 10 senhas às 13h

Inscrições para Processo Seletivo de Agente Comunitário da Saúde terminam na próxima semana

A Prefeitura de Jarinu, através da secretaria municipal de Saúde, recebe até às 16h do dia 23 de Março as inscrições para o processo seletivo 001/2018 de Agente Comunitário de Saúde.

O salário é de R$ 1.265,00 para 40 horas semanais. É necessário ter Ensino Médio Completo, além de residir na área da comunidade onde irá atuar (veja áreas abaixo). Os benefícios, além do salário são Vale Alimentação no valor de R$ 328,00 e Auxílio Transporte de R$ 260,00.

Para essa avaliação existem 33 vagas que serão distribuídas entre as áreas das Unidades de Saúde do Campo Largo (05 vagas – área 1), Maracanã (12 vagas – áreas 02 e 03) e Nova Trieste (16 vagas – áreas 04, 05 e 06). Para UBS da Vila Primavera (CR – área 07) há cadastro reserva.

As provas serão realizadas no dia 25 de Março, com início às 09h e término às 12h. As inscrições serão realizadas apenas na Secretaria de Saúde, que fica na Rua João Pessoa, n.º 560, o Edital completo encontra-se no site da Prefeitura de Jarinu (https://jarinu.sp.gov.br), clicando no link Concurso/Processo Seletivo, no mural de informações do Paço Municipal e na Secretaria de Saúde. É importante a leitura de todos os itens do Edital.

ÁREAS

UBS Campo Largo – Área 01

05 vagas sendo 04 de ampla concorrência e 01 para Portadores Necessidades Especiais

Campo Largo, Casarão I, Casarão II, Uvalândia, Estância Nossa Sra. Aparecida, Estância São Paulo (Caminho 10, 11, 12, 13, 14 e Estrada São Carlos-Jarinu), São José, São Miguel, Santa Helena, Caioçara, Yara, Estância Marília, Yporanga, Bela Vista.

UBS Maracanã – Área 02 e 03

12 vagas sendo 11 de ampla concorrência e 01 Portadores Necessidades Especiais

Fim do Campo, Maracanã, Soares, Realengo, Parque das Videiras, São Pedro, Weekend, Santa Lucia, Estância Santa Maria, Jardim Roseiral, Estância São Paulo (Trecho da Estrada Gino Dartora, Estrada São Joaquim, Estrada Santa Barbara)

UBS VILA NOVA TRIESTE – ÁREA 04, 05 E 06

16 vagas sendo 15 de ampla concorrência e 01 Portadores de Necessidades Especiais

Vila Nova Trieste, Campo dos Aleixos, Recanto Silvana, Ponte Alta

UBS VILA PRIMAVERA – ÁREA 07

Vila Primavera

Prefeitura abre processo seletivo para Agente Comunitário de Saúde

Inscrições encerram às 16h do dia 23 de Março.

A Prefeitura de Jarinu, através da secretaria municipal de Saúde, recebe a partir da próxima terça-feira, dia 06 de Março, às 09h, até às 16h do dia 23 de Março, inscrições para o processo seletivo 001/2018 de Agente Comunitário de Saúde.

O salário é de R$ 1.265,00 para 40 horas semanais. É necessário ter Ensino Médio Completo, além de residir na área da comunidade onde irá atuar (veja áreas abaixo). Os benefícios, além do salário são Vale Alimentação no valor de R$ 328,00 e Auxílio Transporte de R$ 260,00.

Para essa avaliação existem 33 vagas que serão distribuídas entre as áreas das Unidades de Saúde do Campo Largo (05 vagas – área 1), Maracanã (12 vagas – áreas 02 e 03) e Nova Trieste (16 vagas – áreas 04, 05 e 06). Para UBS da Vila Primavera (CR – área 07) há cadastro reserva.

As provas serão realizadas no dia 25 de Março, com início às 09h e término às 12h. As inscrições serão realizadas apenas na Secretaria de Saúde, que fica na Rua João Pessoa, n.º 560, o Edital completo encontra-se no site da Prefeitura de Jarinu (https://jarinu.sp.gov.br), clicando no link Concurso Público, no mural de informações do Paço Municipal e na Secretaria de Saúde. É importante a leitura de todos os itens do Edital.

ÁREAS

UBS Campo Largo – Área 01

05 vagas sendo 04 de ampla concorrência e 01 para Portadores Necessidades Especiais

Campo Largo, Casarão I, Casarão II, Uvalândia, Estância Nossa Sra. Aparecida, Estância São Paulo (Caminho 10, 11, 12, 13, 14 e Estrada São Carlos-Jarinu), São José, São Miguel, Santa Helena, Caioçara, Yara, Estância Marília, Yporanga, Bela Vista.

UBS Maracanã – Área 02 e 03

12 vagas sendo 11 de ampla concorrência e 01 Portadores Necessidades Especiais

Fim do Campo, Maracanã, Soares, Realengo, Parque das Videiras, São Pedro, Weekend, Santa Lucia, Estância Santa Maria, Jardim Roseiral, Estância São Paulo (Trecho da Estrada Gino Dartora, Estrada São Joaquim, Estrada Santa Barbara)

UBS VILA NOVA TRIESTE – ÁREA 04, 05 E 06

16 vagas sendo 15 de ampla concorrência e 01 Portadores de Necessidades Especiais

Vila Nova Trieste, Campo dos Aleixos, Recanto Silvana, Ponte Alta

UBS VILA PRIMAVERA – ÁREA 07

Vila Primavera

Edital na íntegra – clique aqui

Jarinu já imunizou 97% contra Febre Amarela

Dados foram coletados em 05 de fevereiro pela equipe da Secretaria de Saúde

A Secretaria Municipal de Saúde de Jarinu, através da Vigilância Epidemiológica, já aplicou 27.423 doses da vacina contra o vírus da Febre Amarela. De acordo com o Departamento os números representam 97% da população residente no município, tendo por base os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 28 mil habitantes.

“Esse número é bem expressivo, mas não quer dizer que toda população esteja imunizada, pois trabalhamos com os dados que temos. Outro fator importante é que uma outra parte da população já foi imunizada nas campanhas dos anos de 1999 e 2000, feita em todo território nacional”, destacou Antenor Gomes Gonçalves, secretário de Saúde de Jarinu.

VACINAÇÃO

A Secretaria de Saúde informa também que esta recebendo a vacina do Governo Estadual em menor quantidade, portanto “houve a necessidade de ajuste na logística e distribuição das vacinas”. O Secretário frisou, ainda, que “a vacina não deixará de ser aplicada, porém precisam levar comprovante de endereço, ou de trabalho no município, pois serão distribuídas apenas 10 senhas de manhã e 10 senhas a tarde, conforme cronograma”. Quem se imunizou não é necessário receber outra dose da vacina.

CASOS CONFIRMADOS

No município de Jarinu foram confirmados três casos de Febre Amarela, sendo um óbito. O primeiro caso, de uma senhora de 54 anos, veio à óbito. O segundo caso, de um morador que estava internado no Hospital São Vicente de Paulo (HSV), em Jundiaí, foi medicado e liberado. “Ele foi vacinado no dia 19 de Janeiro e diagnosticado no HSV com hepatite, porém os resultados do IAL deram Febre Amarela. Agora ele fará o tratamento específico”, disse Antenor Gonçalves.

Nesta semana o terceiro caso foi confirmado pelo Instituto Adolfo Lutz, no bairro Maracanã. A Equipe de Saúde fez a visita domiciliar e o paciente estava trabalhando e em bom estado de saúde. Foi feito a varredura, mais uma vez no bairro, garantindo que todos tenham se imunizado.

CRONOGRAMA

Ambulatório Central 3ª e 4ª feira

ESF Nova Trieste 2ª e 6ª feira

ESF Maracanã 3ª e 5ª feira

ESF Campo Largo 4ª e 5ª feira

USF Primavera 3ª e 5ª feira

 

Vacinação contra febre amarela passa a solicitar comprovante de endereço

Mais de 80% dos imunizados não eram de Jarinu. Toda região pedirá comprovante.

A partir da segunda-feira, dia 22, por determinação da Secretaria de Saúde, a equipe de vacinadores, da Vigilância Epidemiológica de Jarinu, passarão a exigir comprovante de endereço e, no caso de dúvidas, a carteirinha de saúde usadas nas consultas médicas.

De acordo com a enfermeira Gabriela Amorim, responsável pela vigilância epidemiológica, a medida se faz necessária para que o maior grupo de moradores do município, que ainda não vacinaram, sejam imunizados.

No sábado, 20, dia em que foi realizado a campanha de vacinação, 1100 doses foram aplicadas das 08h às 16h, sendo 850 doses para moradores vindos da Capital e da região.

“É necessário deixar claro que estamos vacinando todos os que procuram os postos em busca da imunização, porém recebemos uma quantidade de doses de acordo com o número de moradores. Se acabar não temos justificativa para pedir outra quantia a Secretaria Estadual de Saúde. Temos que pensar nos nossos moradores. Todas as cidades da região passarão a exigir o comprovante de endereço”, destacou Antenor Gonçalves, secretário municipal de Saúde de Jarinu.

ESQUEMA DE VACINAÇÃO

As vacinações continuam em todas as unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF), nos bairros Campo Largo, Maracanã, Vila Primavera, Nova Trieste, e Ambulatório Central (antigo posto de Saúde, na Vila Rica).

ESF CAMPO LARGO

Quartas e quintas-feiras – das 13h às 16h

ESF MARACANÃ

Segunda as sexta-feira – das 08h às 11h e das 13h às 16h

ESF NOVA TRIESTE

Segunda as sexta-feira – das 08h às 11h e das 13h às 16h

ESF VILA PRIMAVERA

Terças e quintas-feiras – das 09h às 11h30 e das 13h às 15h30

AMBULATÓRIO CENTRAL (antigo posto de saúde)

Segunda a Sexta-feira – das 08h às 11h e das 13h às 16h

Vacinação Febre Amarela

►AMPLIAÇÃO DE HORÁRIO
Dando continuidade a vacinação contra Febre Amarela, a equipe de Vigilância Epidemiológica informa que o Ambulatório Central estará vacinando com horário estendido a partir desta quinta-feira, dia 11 até o dia 19 de Janeiro, das 08h às 20h. Não esqueça de levar a caderneta de vacinação. Caso já tenha sido vacinado (a) não é necessário outra dose.

►CAMPANHA
No sábado, dia 20/01, ocorrerá mais uma campanha contra Febre Amarela, das 08h00 às 16h00 no Ambulatório Central, que fica na rua João Pessoa, 560 – Jardim Saúde!

Contraindicações gerais

  • crianças menores de seis meses.
  • portadores de imunodeficiência congênita ou adquirida, neoplasia maligna.
  • pacientes infectados pelo vírus HIV com alteração imunológica.
  • pacientes em terapêutica imunodepressora: quimioterapia, radioterapia, corticóide em doses elevadas (equivalente a prednisona na dose de 2mg/kg/dia ou mais para crianças, ou 20 mg/dia ou mais, para adultos, por mais de duas semanas)7.
  • medicações antimetabólicas (por exemplo a azatioprina e ciclofosfamida)8,9.
  • medicamentos modificadores do curso da doença, os biológicos:  (Infliximabe, Etanercepte, Golimumabe, Certolizumabe, Abatacept, Belimumabe,Ustequinumabe, Canaquinumabe, Tocilizumabe, Rituximabe)8,9.
  • pacientes com história pregressa de doença do timo (miastenia gravis, timoma).
  • gestante, devido ao possível risco de infecção dos fetos pelo vírus vacinal, a vacina FA está contraindicada em gestantes, salvo em situações de alto risco de exposição. Na impossibilidade de adiar a vacinação, como em situações de emergência epidemiológica, vigência de surtos, epidemias ou viagem para área de contrair a doença, deverá ser avaliado o benefício/risco da vacinação. A vacinação em gestantes deverá ser analisada caso a caso10,11,12.
  • pessoas com história de uma ou mais das seguintes manifestações anafiláticas após dose anterior da vacina ou após ingestão de ovo: urticária, sibilos, laringoespasmo, edema de lábios, hipotensão, choque nas primeiras duas horas.

 

Secretaria de Saúde alerta população para vacinação contra febre amarela e confirma 1 caso de morte em humano

“A única forma de prevenção é a vacina”, disse o Secretário de Saúde.

A Secretaria Municipal de Saúde, da Prefeitura de Jarinu, pede a toda população que não se imunizou contra a Febre Amarela que procure pelas Unidades de Estratégia de Saúde da Família – ESF/UBS dos bairros e Ambulatório Central para que a dose seja aplicada.

De acordo com o Secretário de Saúde de Jarinu, Antenor Gomes Gonçalves, que confirmou a morte de uma moradora de 54 anos, na manhã desta terça-feira, dia 09 de Janeiro, através de laudos apresentados pelo Instituto Adolfo Lutz, é preciso se vacinar. “A única forma de prevenção é a vacina e muitos não querem tomar. Desde o início da campanha, em 2017, até o momento, já aplicamos mais de 20 mil doses, porém ainda orientamos a todos que procurem pela Unidade Básica para se prevenirem”, alertou.

Antenor Gonçalves destacou ainda que esse é “o primeiro caso de morte em humanos confirmada em Jarinu”, além disso “já havíamos passado em toda área rural. Não há registro de vacinação da moradora, e em nenhum momento foi apresentado documentos que comprovem. Retornamos, fizemos novamente a vacinação porta a porta, ofertamos a dose para todos da região. Só não fizemos nebulização porque é proibido em área rural”.

Vacinação
Com a confirmação da morte da moradora de Jarinu, a Secretaria de Saúde informa que a população pode procurar pelas Unidades de Saúde dos bairros Nova Trieste, Campo Largo, Vila Primavera e no Ambulatório Central para tomar a dose. Caso não tenha a carteira de vacinação ou não lembra se já tomou a dose, é necessário comparecer para ser vacinado. Quem já tomou a dose e tem toda documentação não precisa de outra imunização.

No bairro Campo Largo as vacinas ocorrem todas as quartas e quintas-feiras das 13h às 16h. Devido a quantidade de vacinas e o pedido de fracionamento as imunizações ocorrem nessas datas e períodos estipulados.

Nas Unidades dos bairros Nova Trieste e Maracanã a imunização ocorre de segunda a sexta-feira, das 08h às 11h e das 13h às 16h. Na ESF Vila Primavera as terças e quintas-feiras das 09h às 11h30 e das 13h às 15h30. Quem procurar pelo Ambulatório Central deverá ir entre o horário das 08h às 11h e das 13h às 16h, diretamente na sala de vacina, de segunda a sexta-feira.

CONFIRA COMUNICADO NA ÍNTEGRA