Parceria entre Prefeitura e Empresa viabiliza recapeamento de trecho da Avenida João Pedro Ferraz

Uma parceria entre a Prefeitura e a empresa Health Quality, que produz serviços e tecnologia para área da saúde, viabilizou, nesta semana, o recapeamento de aproximadamente 200 metros de extensão de um trecho da Avenida João Pedro Ferraz.

“Agradecemos a parceria da empresa Health Quality por ter cedido todo o material para que pudéssemos entrar com os maquinários e fazer o recapeamento no trecho da Avenida João Pedro Ferraz, foi de fundamental importância para todos. Importante destacar que a empresa, que se destaca na criação de novos empregos, também contribui para o desenvolvimento do município”, disse Eliane Lorencini, prefeita.

Ainda de acordo com a Prefeita a empresa cedeu à massa asfáltica, que chegou a aproximadamente 50 toneladas, e a Prefeitura entrou com todo maquinário. “Para que a obra pudesse acontecer foi necessária essa parceria, por isso agradeço mais uma vez aos proprietários da empresa por terem comprado e cedido à massa para o recapeamento, trazendo desenvolvimento para toda a comunidade”, finalizou.

Após chuvas diminuírem Serviços Públicos retoma manutenção de vias pavimentadas

Depois da trégua das chuvas, nesta semana, e da chegada de materiais para manutenção das vias pavimentadas a Secretaria de Serviços Públicos e Transporte retomou os trabalhos, começando pela Avenida do Progresso, no trecho de Jarinu, que compreende da empresa Cruzaço a Roge.

“É preciso esclarecer que não demoramos para iniciar as manutenções, porém temos que esperar as chuvas diminuírem, pois a massa asfáltica, assim como o asfalto em si, não gosta de chuva, o que ocasiona sempre os buracos que aparecem, principalmente devido a umidade do solo em determinados trechos, como na Estrada Natal Lorencini, e na Atílio Squizato que vai até o Campo Largo, na Santo Gastaldi e em vários outros trechos”, disse Beto Bêgo, secretário de Serviços Públicos.

Além disso, o Secretário aproveitou para agradecer o trabalho que os servidores têm desempenhado. “Não posso deixar de agradecer aqueles que trabalham incansavelmente para manter nossa cidade em ordem, que são os nossos servidores da Secretaria de Serviços Públicos, e todos os outros departamentos da Prefeitura”, finalizou Bego.

 

Serviços Públicos e Agricultura realizam manutenção nas estradas rurais e urbanas e mostram que trabalho não para.

O município de Jarinu possui aproximadamente 300 quilômetros de estradas não pavimentadas, o que caracteriza 70% de vias que precisam receber manutenções constantes. É isso que a Secretaria de Serviços Públicos e Transportes (conhecida como Garagem), realizam diariamente, faça chuva ou sol.

Nesta semana, pós-carnaval, os servidores intensificaram os trabalhos em diversos trechos. “Estamos trabalhando na Avenida América (Nova Trieste), também temos máquinas atrás do Hotel Pirâmide, Estrada do São Luís logo em seguida as máquinas vão para a estrada São Sebastião, também temos máquinas no bairro Pitangal sentido Bonança, além dos trabalhos com drenagem de águas pluviais”, disse Beto Bego, Secretário de Serviços Públicos.

A Prefeita Eliane Lorencini saiu em vistoria para fiscalizar os trabalhos e disse estar feliz com o que presenciou. “Temos consciência da situação das estradas do município, da quantidade de máquinas e servidores que temos. Nosso objetivo é atender a todos, porém há necessidades que são emergenciais e temos que atender. Fico triste quando ouço dizer que ‘não estamos fazendo nada’, pois nosso pessoal esta sim nas estradas e merecem todo nosso reconhecimento e agradecimento, seja com o tempo bom ou ruim”, afirmou a Prefeita.

Os trabalhos estão sendo realizados pela equipe de funcionários das Secretarias de Serviço Público e Meio Ambiente, que atende as estradas rurais. Esta ação realizada faz parte de um trabalho que vem sendo feito em todos os bairros do município. “A Prefeita nos cobra diariamente e esse é um compromisso firmado pela administração garantindo o acesso de qualidade em todas as vias rurais e urbanas não pavimentadas, e que necessitam de um fácil acesso a cidade”, finalizou Beto Bego.

Com o patrolamento e a colocação de cascalhos, o tráfego melhora, mas é importante se atentar para o período chuvoso que a região enfrenta dificultando, muitas vezes, a entrada de um trator e um caminhão pesado que podem danificar ainda mais a estrada.

Manutenção nas estradas e vicinais são intensificadas após chuvas diminuírem

Pode ser que ao ler esta matéria esteja aquele sol, mas pode ser que esteja chovendo. A previsão meteorológica tem dado um baile em nossa região e movimentado todas as equipes de trânsito, meio ambiente, defesa civil e serviços públicos que, diariamente, já ficam em alerta para qualquer ocorrência.

“Semana passada tivemos uma chuva com uma intensidade maior daquela que esperávamos isso fez com que movimentássemos todo o material para as estradas além de nossos servidores. Muitos pensam que quando chove ficamos na garagem e isso não é verdade. Estamos na rua, ajudando, socorrendo quem precisa, fazendo as manutenções emergenciais para depois entrar com os maquinários mais pesado”, destacou Beto Bego, secretário de Serviços Públicos.

Nessa semana, com as chuvas dando uma trégua, porém chegando – no fim do dia – com menos intensidade, os servidores da Garagem, Defesa Civil, Trânsito, Agricultura e Meio Ambiente, conseguem atender muito mais vias não pavimentadas, principalmente aquelas que necessitam do escoamento do produto agrícola.

“Todos os maquinários estão nas ruas, como na Estância São Paulo e Marília, Atílio Squizato, Fazenda Primavera, Nova Trieste, Água Preta, Breu, Olaria, Estrada Municipal Juvenal de Souza, Estrada Carlos Cavallaro, Estrada Alberto Tofanin, Estrada Luiz Comim, todos com trabalhos emergenciais, além dos servidores que cuidam da roçagem e limpeza de canteiros. Parabenizo o empenho e trabalho de todos. Sabemos que estão fazendo o máximo para atender nossa população, numa cidade com uma área territorial tão grande como a nossa, suas características rurais e estradas não pavimentadas”, finalizou Bego.

 

,

Prefeita vistoria trabalhos de infraestrutura e manutenção

 

Na última quarta-feira, dia 19, a Prefeita Eliane Lorencini reservou parte da agenda  burocrática do Executivo para vistoriar os trabalhos de infraestrutura no município, entre eles manutenção e reconstrução de diversos trechos de estradas municipais, em diferentes áreas da cidade, que foram danificadas com as chuvas da semana passada, além do trabalho da patrulha agrícola.

A Chefe do Executivo acompanhou as frentes de trabalho que são comandadas pelas Secretarias de Serviços Públicos e Transporte, Agricultura e Meio Ambiente, Obras e Urbanismo, falou com funcionários, conversou com moradores e parabenizou pelos trabalhos que estão fazendo.

“Nossa cidade possui muitas estradas municipais que não são pavimentadas. Para pavimentar tudo requer muito recurso, e estamos em busca constante de recursos com os governos Federal e Estadual. Outras estradas têm suas características rurais, mais distante do centro. Nossos servidores não param, trabalham diariamente em prol da melhoria dessas estradas” frisou Eliane Lorencini.

Ainda durante a sua vistoria, a Prefeita também conversou com alguns moradores, passando pelas estradas Juvenal de Souza, Carlos Cavallaro, Alberto Tofanin, Luís Comin. Em seguida foi até o Parque das Videiras cobrar agilidade da empresa que precisa entregar o restante da pavimentação, e encerrou sua agenda nas obras do ginásio de esportes.

“Esta tudo dentro do cronograma. Não existe obra parada. Alguns contratos estão dentro do prazo de licitação, outros tiveram aditamento de prazo. Parabenizo todos os nossos servidores da Prefeitura, de todos os setores, que trabalham em prol da nossa população”, finalizou Eliane Lorencini.

Em semana de chuvas intensas Prefeitura parabeniza servidores pelo trabalho que realizam em todo município.

Todas as máquinas, tratores e caminhões, estão na rua. Chuva já chegou a 50% do esperado

A chuva não deu trégua nesta semana. Uma massa que veio do Sul e esta sob a região sudeste tem castigado muitos municípios. Até a grande São Paulo não escapou dos problemas com as enchentes. Jarinu, com suas características rurais e do interior, tendo 70% de sua área não pavimentada, também sofreu com as estradas lamacentas, pontos de alagamentos e desmoronamento de barrancos. Não houve vítimas, apenas transtornos.

Esses transtornos foram minimizados com o trabalho dos servidores públicos e equipe dos Serviços Públicos, Defesa Civil, Trânsito, Meio Ambiente e Agricultura. Juntos, desde a madrugada da última segunda-feira, dia 10, trabalham incansavelmente desobstruindo estradas, podando galhos, recolhendo árvores que caíram nas estradas, liberando vias.

“Estamos todos os dias com máquinas, caminhões, tratores, todos os nossos servidores estão nas vias efetuando limpeza, desobstruindo as vias, podando árvores, orientando motoristas, não tem ninguém parado, como algumas pessoas dizem. Temos que parabenizar e agradecer o empenho de todos, e não apenas criticar, como alguns fazem”, disse o Secretário de Serviços Públicos Beto Bego.

Ainda de acordo com o Secretário o município conta com uma área de 207 quilômetros quadrados, têm 70% de área não pavimentada. “Quando vem o período de estiagem procuramos atender todas as ruas, com isso minimizamos os transtornos nas estradas. Algumas, devido às características do solo, ficam piores que outras, sabemos disso, porém, se colocarmos máquina e cascalho encharcado fica pior do que esta, mesmo assim estamos realizando todo o trabalho emergencial, com os cascalhos que temos, diminuindo os transtornos para a população”, ressaltou.

A equipe da Defesa Civil também atende todos os trechos emergenciais do município, em parceria com o departamento de Trânsito. “Somos uma equipe. Temos que interditar algumas estradas para realizarmos os trabalhos de poda e corte de árvores que foram prejudicadas e, com o apoio do trânsito, o serviço é mais rápido, pois interditam as vias, dando oportunidade para que nossos servidores atendam várias localidades rapidamente”, frisou Thiago Mathias, da Defesa Civil.

Em outro ponto, 14 quilômetros do centro, a equipe do Meio Ambiente e Agricultura realizam o corte e recolhimento dos galhos que obstruíram a estrada da Bragantina, junto com a equipe dos Serviços Públicos e Transporte. “Todas as equipes estão fazendo o máximo por nossa cidade. Felizmente não tivemos perdas nem danos maiores, foram apenas transtornos para os moradores que circundam essa região. Continuaremos trabalhando, na rua, como sempre estamos. Pedimos e agradecemos, desde já,  paciência para todos os moradores”, finalizou o Secretário Bêgo.

 

 

Defesa Civil de Jarinu faz poda e retirada de árvores na Natal Lorencini

A equipe da Defesa Civil de Jarinu retirou nesta semana, na estrada Natal Lorencini, que liga Jarinu a Jundiaí, algumas árvores com possíveis riscos iminentes de queda para a estrada, o que poderia causar mais danos.

Thiago Buckvieser, chefe da Defesa Civil, destacou a importância da operação dizendo que a operação acontece devido as chuvas e fortes ventos. “Com fortes chuvas e ventos temos que tomar cuidado. Essas árvores são antigas e margeiam a estrada, correndo até mesmo risco de um caminhão mais alto encostar e derrubar, pois estão com os troncos secos. Temos que prevenir”, frisou o responsável da Defesa Civil.

A equipe do Trânsito e dos Serviços Públicos participaram da operação. “Para realizar a operação tivemos apoio da equipe do Trânsito e do Serviços Públicos uma vez que precisamos realizar o trabalho em equipe, por isso agradeço a todos”, finalizou Buckvieser

Em Jarinu manutenções de vias não pavimentadas são contínuas.

Prefeitura de Jarinu trabalha na manutenção das estradas danificadas pela chuva

 

Ao contrário de muitas notícias falsas, as chamadas “fake news”, que circulam pelas redes sociais, a Secretaria de Serviços Públicos e Transporte (garagem) não parou a manutenção nas estradas, ruas e avenidas da cidade durante o período de chuvas. Os funcionários se empenham para que as chuvas não se transformem em problemas para quem trafega pelas estradas, muitas vezes atendendo de urgência pontos com mais de 20 quilômetros de distância, entre um bairro e outro.

De acordo com o Secretário da pasta, responsável pela manutenção das estradas as máquinas estão nas estradas, não estão paradas. “É muito triste quando ouvimos que os nossos servidores não estão trabalhando, que as máquinas não estão nas ruas. Isso não é verdade. Temos uma área territorial muito extensa e muitas estradas não pavimentadas para serem feitas as devidas manutenções”, disse. Beto Bêgo.

Ainda segundo o Secretário “as ações não ficam apenas na manutenção das estradas, tem tubulações que precisam ser desentupidas, pois muitos moradores jogam lixos e entulhos, e a água da chuva acaba levando. Também estamos construindo novas galerias, aumentando a largura das ruas, refazendo acostamentos. Agradeço a todos os funcionários que trabalham para melhoria do nosso município. Temos a certeza de grandes resultados, e para isso não estamos parados”.

“Recebo inúmeras mensagens e ligações, e todas são repassadas ao nosso pessoal. Quando não esta chovendo tentamos fazer o máximo de manutenção em todas as estradas, e agora continuaremos realizando o trabalho com as máquinas em todas as estradas do município” finalizou Eliane Lorencini, prefeita de Jarinu.

 

Prefeitura pede apoio da população para não descartar lixos e entulhos de forma irregular.

Ações tem o objetivo de manter bairros mais limpos e coibir descarte irregular de lixos e entulho.

 

Através da Secretaria de Serviços Públicos e Transportes, a Prefeitura de Jarinu, tem realizado limpezas constantes em diversos pontos que estão sendo utilizados para descarte irregular de materiais de construção, lixos, móveis residenciais e eletrodomésticos. A Secretaria tem feito à limpeza, mas alerta que o descarte irregular é crime e prevê multa ao infrator.

“Nossa equipe tem trabalhado constantemente para coibir esse tipo de descarte. Recebemos inúmeras denúncias e sempre estamos atuando nos locais com limpeza, colocação de placas, cercas e aterramento quando é preciso, porém percebemos que eles retornam e jogam o lixo novamente, com isso voltamos, fazemos a limpeza, e acabamos por atrasar a limpeza em outro ponto da cidade. ”, informa o secretário de Serviços Públicos, Beto Bêgo.

O descarte irregular de lixo, além de deixar o ambiente com uma aparência ruim, serve de criadouro para o mosquito transmissor do vírus da Dengue, aparecimento de escorpiões e outros insetos, além do mau cheiro que fica no local. “Temos que conscientizar que os locais públicos não são para descarte de material, mas sempre que fazemos a limpeza, em menos de 24 horas aparecem mais entulhos no mesmo local. É questão de cidadania e educação com o meio ambiente”, ressaltou Beto Bêgo.

É importante esclarecer que a Secretaria de Serviços Públicos não recolhe entulhos de construção civil, obras em geral de propriedades particulares, nem eletrodomésticos, neste caso o morador deve contratar um serviço particular de caçamba junto às empresas devidamente credenciadas. A Prefeitura cabe à limpeza e coleta de lixo, roçada, varrição, por isso é importante que todos colaborem com a manutenção da limpeza urbana, proporcionando um menor índice de aparecimento de animais peçonhentos, além de garantir uma vida mais saudável a todos. Uma cidade mais limpa fica agradável para todos.

Prefeitura prepara cemitério para o Dia de Finados

A Prefeitura de Jarinu começou há quinze dias o serviço de conservação dos cemitérios da cidade, para receber os visitantes no dia 2 de novembro, feriado de Finados, em homenagem aos mortos.

Segundo a secretaria de Serviços Públicos, os dois cemitérios terão, para esta data, atenção especial. “A manutenção nos cemitérios é feita periodicamente, todos os dias temos funcionários trabalhando e fazendo a manutenção local, porém, para esta data, a atenção é redobrada”, disse Beto Bego, secretário Municipal de Serviços Públicos.

De acordo com o Secretário todo entorno do cemitério recebeu nova pintura. “Reforçamos a pintura nos muros, tanto na parte interna como externa, portões e grades, além da limpeza costumeira de todas as ruas do cemitério”. Bego ressaltou ainda que é necessária uma atenção redobrada para que os familiares limpem as sepulturas não deixando vasos com água parada, evitando proliferação de doenças.

O Cemitério Municipal de Jarinu conta com aproximadamente 1250 sepulturas e 196 gavetas. A Prefeitura acredita que cerca de 1 (mil) pessoas visitarão o cemitério entre os dias 02 e 03 de Novembro. “Estamos melhorando cada vez mais o Cemitério Municipal para receber os familiares dos entes falecidos. Parabenizo a todos os funcionários que trabalharam para deixar tudo em ordem para o dia de Finados. Eles [os funcionários] cuidam com carinho de cada parte do cemitério”, finalizou Bego.

CURIOSIDADE

Em 2018, de Janeiro a 02/11 ocorreram 152 sepultamentos e 17 exumações. Já, neste ano, de Janeiro até o fechamento desta edição foram 172 sepultamentos e 110 exumações.

MISSAS

No Cemitério Municipal e no Cemitério do Santíssimo haverá missa às 08h, presidida pelo Pároco José Antonio e Pároco Eli Antonio Dentello, respectivamente. Na matriz, a missa será às 19h30. Em caso de chuva, a missa do Cemitério do Santíssimo será na Paróquia Nossa Senhora do Carmo.