, ,

Encontra-se aberto na Prefeitura Municipal de Jarinu, Pregão Presencial n° 015/2019 – Edital n° 024/2019 – Processo n° 3229/2019 do tipo menor preço global. Objeto Contratação de empresa para fornecimento da licença de uso de software por prazo determinado (locação), com atualização mensal, que garanta as alterações legais, corretivas e evolutivas, incluindo, conversão, implantação, treinamento, suporte e atendimento técnico.

PREFEITURA MUNICIPAL DE JARINU

AVISO DE LICITAÇÃO

Encontra-se aberto na Prefeitura Municipal de Jarinu, Pregão Presencial n° 015/2019 – Edital n° 024/2019 – Processo n° 3229/2019 do tipo menor preço global. Objeto Contratação de empresa para fornecimento da licença de uso de software por prazo determinado (locação), com atualização mensal, que garanta as alterações legais, corretivas e evolutivas, incluindo, conversão, implantação, treinamento, suporte e atendimento técnico. A visita técnica é OBRIGATÓRIA e deverá ser agendada diretamente na Secretaria de Administração geral com o Sr. Anderson, a qual deverá ser realizada até o dia 12 de maio de 2019, sendo necessária a presença de representante legal ou representante credenciado pela licitante. Recebimento dos envelopes até dia 17 de junho de 2019 às 09H15M. Abertura dos envelopes n° 1 – Proposta Comercial e Envelopes nº 2 – Documentação – dia 17 de junho de 2019 às 09H15M. O Edital na íntegra se encontra a disposição dos interessados no site www.jarinu.sp.gov.br. Informações através do telefone (11) 4016-8200.

Jarinu, 30 de maio de 2019

Anderson da Cunha – Secretário Municipal de Administração Geral

Edital – Clique aqui

Conheça os direitos do consumidor em caso de falta de luz

As interrupções no fornecimento de energia elétrica, em consequência de temporais com raios e ventanias, podem afetar os eletrodomésticos, principalmente computadores, geladeiras e TVs, aparelhos sensíveis e queimar com as quedas bruscas de energia. Coordenador do Procon Municipal de Jarinu Anderson Cardoso, lista algumas dicas para evitar transtornos e o que fazer caso tenha tido prejuízos por conta do problema.
Falta de energia
As concessionárias devem cumprir índices de qualidade estabelecidos pela Agência Nacional de Energia elétrica – Aneel, prestando serviço contínuo e eficiente. Desta forma, havendo a falta de energia deverá ser feito o abatimento automático do período em que houve a falha no serviço. O consumidor pode acompanhar sua fatura para confirmar se houve descumprimento desses índices e eventual desconto.
Em caso de perda de produtos que estavam acondicionados na geladeira, o consumidor pode solicitar o ressarcimento junto à concessionária. Fotos da comida que estragou, nota fiscal dos produtos (se possuir), embalagem de remédio que perdeu a refrigeração e, por isso, não pode ser consumido etc. podem facilitar a comprovação dos danos. Caso a empresa se negue a efetuar o reembolso, o consumidor pode registrar reclamação junto ao Procon, desde que haja algum tipo de comprovação.
Queima de aparelhos
Em casos de eletrodomésticos e eletroeletrônicos queimados em função da queda ou descarga de energia elétrica, de acordo com a Resolução 414 da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), recentemente alterada pela Resolução 499, o consumidor deve registrar o fato junto aos canais disponibilizados pela concessionária para atendimento (internet, telefone, pessoalmente, etc.), no prazo de até 90 dias, especificando quais os equipamentos foram danificados. A empresa deverá abrir processo específico de indenização.
A concessionária terá 10 dias corridos para inspecionar o equipamento danificado (um dia para equipamento utilizado para acondicionamento de alimentos perecíveis ou medicamentos), 15 dias para apresentar, por escrito, resposta ao pedido e 20 dias para providenciar o ressarcimento. A empresa deve informar ao consumidor a data e o horário aproximado da inspeção ou disponibilização do equipamento. Caso não ocorra essa vistoria, o prazo para resposta será de 15 dias contados da data da solicitação do ressarcimento.
Atenção! O consumidor não deve reparar o equipamento danificado, salvo nos casos em que houver autorização prévia e formal da concessionária, bem como impedir ou dificultar sua inspeção, pois poderá perder o direito à indenização.
Se o consumidor tiver dificuldade em registrar pedido de ressarcimento, ou em ser atendido nos prazos fixados pode procurar o órgão de defesa do consumidor de seu município ou o poder judiciário. Outros prejuízos, assim como os causados a pessoas jurídicas, deverão ser questionados junto ao poder judiciário.
,

Empresa em Jarinu contrata: Faxineiro (40 a 60 anos); Motorista – Entregador CNH “D”; Ajudante de Motorista (22 a 40); Ajudante Máquina rotuladeira (25 a 45); Ajudante de Produção Pesagem (21 a 40); Ajudante de Produção (21 a 45); Auxiliar de Serviços Gerais (masc 40 a 60); Assistente Administrativa

Empresa contrata:

Empresa em Jarinu contrata:

Faxineiro (40 a 60 anos);

Motorista – Entregador CNH “D”;

Ajudante de Motorista (22 a 40);
Ajudante Máquina rotuladeira (25 a 45);
Ajudante de Produção Pesagem (21 a 40);
Ajudante de Produção (21 a 45);
Auxiliar de Serviços Gerais (masc 40 a 60);
Assistente Administrativa

Auxiliar de Logística

,

GCM de Jarinu trabalha em prol da população e disponibiliza novo canal de comunicação

Guarda Civil Municipal de Jarinu disponibiliza novo canal de comunicação com a população

Aplicativo de mensagens instantâneas apenas receberá informações

Tendo como princípio a rápida resposta às demandas solicitadas pela população, a Guarda Civil Municipal de Jarinu, reestruturou o atendimento via redes sociais e  disponibilizou, com a contratação dos novos agentes da GCM,  desde a última semana, novamente o número do Whatsapp para que os munícipes possam enviar suas denúncias, reclamações e agradecimentos.

Comandante Garcia explicou que mesmo com Aplicativo população tem mais três números disponíveis para denúncias

De acordo com o comandante da GCM, Alexandre Garcia, os moradores poderão fazer uso do número enviando suas denúncias e reclamações e, mesmo aparecendo o contato de quem faz a denúncia, os números não serão divulgados. “Pelo nosso código de ética não divulgamos nenhum número. Esse novo contato proporcionará uma proximidade entre a GCM e a população”. Garcia disse também que “hoje a maioria das pessoa tem celular e usa o aplicativo. Isso dá agilidade na denúncia que pode ser fotos, vídeos ou mensagens”, destacou.

Jarinu é pioneira no uso do aplicativo para receber denúncias e espera, num prazo de três meses, após as fases de testes e recepção por parte da população, aumentar o atendimento em 20%.

Os demais números da Guarda Civil funcionarão 24 horas e estão disponíveis para todos – que não sentirem a vontade usando o Whatsapp para denúncia, que façam suas ligações e serão atendidos da mesma maneira.

Serviço

Guarda Civil Municipal

WhatsApp para denúncia (11) 98950-8148

Telefones (11) 4016-3099 | 3182-0030 | 153

Prefeita participa de Ato pela Agricultura na sede do Governo Paulista em São Paulo

No mesmo dia foi descerrada placa de reforma da Casa da Agricultura de Jarinu

Na última segunda-feira (19), o governo do Estado de São Paulo promoveu no Palácio dos Bandeirantes o Ato pela Agricultura: Alimento, Renda e Futuro, para apresentar os dados preliminares do levantamento censitário realizado na agropecuária paulista. Realizado pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento, o encontro também serviu para o lançamento do sistema online de acompanhamento da comercialização de agroquímicos.

O Levantamento de Unidades de Produção Agropecuária do Estado de São Paulo (Lupa) é um estudo completo da realidade social, econômica e ambiental da agropecuária paulista realizado pela Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati) da Secretaria a cada 10 anos. Os números apresentados no Ato, finalizados neste ano, servirão de base para a construção de iniciativas em prol da produção agrícola paulista.

Acompanhando o Secretário de Estado de Agricultura e Abastecimento, a Prefeita Eliane Lorencini, que também estava acompanhada do Secretário de Agricultura de Jarinu, José Carvalho, e do Chefe da Casa de Agricultura, José Braga Semis, parabenizou a iniciativa pelo lançamento da plataforma digital de controle e comercialização de agroquímicos.

“Com esse novo processo ganham-se todos, pois estará tudo informatizado, dando agilidade ao processo, além de impedir o comércio e o uso de produtos ilegais”, disse.

Descerramento da Placa

Após o Ato pela Agricultura a Prefeita Eliane Lorencini, acompanhada do Chefe CATI Jarinu seguiram para o descerramento da Placa da Reforma da Casa da Agricultura

“São muitas visitas e o Governador não consegue estar presente em todas, por esse motivo realizou no mesmo dia do Ato pela Agricultura, no Palácio dos Bandeirantes, concentrando um grande número de prefeitos e representantes”, finalizou Eliane Lorencini.

Participaram do evento, além da Prefeita e do Secretário de Agricultura, o técnico agropecuário, José Lélio de Moura, o chefe da Cati Jarinu, José Braga Semis, o presidente da Associação dos Produtores de Morango e Hortifrutiflores de Jarinu, Atibaia e região, Osvaldo Maziero, o presidente da Associação Hortifrutiflores de Jarinu, Cassiano Contesini, e José Augusto Maiorano, diretor do Escritório de Desenvolvimento Rural de Campinas.

Vaga: Auxiliar de Cozinha

Coordenadoria do Trabalho informa:

Há vagas:

► Auxiliar de Cozinha (feminino)

  • Somente candidatas residentes em Jarinu
  • currículo para tfilgueiras@bbp.com.br
, ,

Secretaria de Meio Ambiente começa retirada de remanescentes de árvores

A Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente de Jarinu iniciou, nesta semana, a retirada dos remanescentes arbóreos na região central, em seguida dará prosseguimento aos bairros.

Para retirada dos remanescentes (tocos que ficam após o corte da árvore), foi efetuada vistoria técnica, só após foi dada autorização. Com esse trabalho a Prefeitura garante as calçadas mais limpas para pedestres e portadores de necessidades especiais.

Com máquina própria para isso, que faz a raspagem do tronco, a Secretaria garante a retirada de 08 a 10 troncos por dia, sem danificar a calçada ou a via pública. Todo material retirado vira insumo, e fica na Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente para aqueles que precisam utilizar em suas plantações.

Caso necessite retirar alguma árvore, é necessário que:
– Compareça ao Paço Municipal – dirija-se até o setor de Protocolo – faça o requerimento – será enviado para o técnico que fará a vistoria e dará o parecer. Dúvidas, ligue para (11) 4016-3843.

O Departamento de Trânsito garante a segurança da via enquanto os funcionários fazem o trabalho de retirada dos tocos.

Prefeitura divulga novos números de telefone

Para melhor atender a população a Prefeitura de Jarinu tem mantido contatos frequentes com a operadora de telefonia, isso garante agilidade no serviço, manutenção e trocas de linhas quando necessário. Com isso, algumas linhas passaram por alteração, são elas.

  • Secretaria de Saúde: 4016-8105
  • Recepção (Ambulatório): 4016-8100
  • Resgate: 4016-8111
  • Odontologia: 4016-8122
  • UMS – Unidade Mista de Saúde – Recepção: 4016-6970 – 4016-6971
  • UBS Campo Largo: 4017-5239
  • UBS Maracanã: 4016-1133
  • UBS Trieste: 4016-1211
  • UBS Primavera: 4016-3081
  • Vigilância: 4016-5917

Telefones da Guarda Civil Municipal

A Secretaria de Assuntos para Segurança Pública também informou mudanças nos telefones da Guarda Civil Municipal. Agora os números são (11) 4016-3099, (11) 3182-0030 ou 153 emergência.

Novo Endereço

Desde o dia 02 de Maio a Secretaria de Assuntos para Segurança Pública, que atende também o Departamento de Defesa Civil e Departamento de Trânsito atende na Avenida Doutor Antenor Soares Gandra, 755 – telefone (11) 4016-3860

Em Jarinu curso de Massas Caseiras tem já é sucesso

Desde que foi lançado em Jarinu o curso de Padaria Artesanal já formou inúmeras pessoas, dando a oportunidade, principalmente, da geração de renda para à família, afinal esse é o propósito: ensinar para que possam caminhar sozinhos.

Agora, de forma inédita, nesta semana teve início o curso de Massas Caseiras, focado na cozinha italiana, ministrado pela professora Paola Petrilli Quadros que – com seu conhecimento italiano, trazido da Itália para o Brasil, passa aos alunos as diversas receitas da “Mama”.

Na manhã da quinta-feira, dia 04, a Prefeita Eliane Lorencini, acompanhada do vice-prefeito Cláudio Catroque, esteve em visita na cozinha experimental da Padaria Artesanal, para conhecer um pouco mais sobre o curso. “Tenho certeza que sairemos do curso experimental para o curso profissional. Ainda estamos em fase de testes, de adesão ao curso, mas acredito que no próximo semestre, teremos um curso completo”, destacou.

Durante o curso os alunos aprenderão diversos tipos de massas caseiras, como por exemplo capeletti, canelone, talharim, rondelli e – até mesmo – lasanha, além de cremes italianos e molhos.

Inscrições

Para se inscrever os interessados devem procurar pelo CRAS – Centro de Referência de Assistência Social, que fica na rua Leão Rachman, 11, centro. Ou ligar para (11) 4016-5634 | 4016-5577 para mais informações. É necessário levar cópia do comprovante de endereço e documentos pessoais para cadastro.