Em Jarinu, apicultor sobrevive com o cultivo de abelhas

Secretaria de Meio Ambiente aprova ideia.

Tem gente que não gosta nem de chegar perto, mas tem aqueles que além de chegar perto fazem o cultivo, retiram seu sustento e ainda mesclam parcerias com órgãos públicos para ajudar no controle e no cuidado delas. Estamos falando das abelhas e de todos os cuidados que elas devem ter.

Em Jarinu, o produtor de abelhas e apicultor Marcos Roberto dos Santos executa o trabalho como apicultor, além de ter conseguido montar seu próprio apiário. “Diferente de todos sempre gostei de abelhas desde criança. Quando pequeno amarrava fios nas abelhas para brincar, depois na adolescência peguei gosto e fui atrás de mais conhecimento para aprimorar o que tinha como hobby e hoje é uma profissão”, disse.

Além disso, o apicultor conta que a Secretaria de Meio Ambiente o recebeu muito bem e estão sempre dispostos a fazer parcerias. “Assim como a secretaria de Meio Ambiente me recebeu estou disposto a diversas parcerias e, também, ajudar aquele que quer aprender mais sobre o cultivo de abelhas e produção de mel. Aqui no meu apiário Canaã o cultivo é feito tudo dentro do que manda a Lei, assim como a produção do mel e a venda direta”, explicou o apicultor.

Para quem quer conhecer o trabalho de um apicultor, comprar mel, ou precisa da retirada de enxames e colmeias e não sabe com quem falar, pode procurar pelo Marcos Roberto ligando para (11) 9.4028-1691 ou 9.9812-3356