,

Prefeitura e Sabesp aumentarão captação de água em Jarinu.

Projeto esta estimado em R$ 5 milhões com prazo de término de 24 meses

Com um orçamento estimado em R$ 5 milhões de reais e prazo de 24 meses para conclusão, atendendo as solicitações da Prefeita Eliane Lorencini, a Sabesp iniciou as obras de ampliação, reforma e aumento da captação de água na Estação de Tratamento de Água, localizada na estrada João Gerez Perez, entre os bairros Maracanã e Água Preta.

Em vistoria ao início das obras, acompanhada dos responsáveis técnicos da Sabesp, e do vice-prefeito Cláudio Catroque, a Prefeita Eliane Lorencini destacou a importância desta obra para o município.

,

 

 

 

 

 

 

“Com o aumento da captação e distribuição de água – que será dobrado – conseguiremos levar água e atender muitos outros bairros do município. A Sabesp nos entregará um estudo com esse levantamento que passará de 70 litros por segundo (L/S) para 150 litros por segundo, ou seja, o aumento na captação será dobrado”, frisou Eliane Lorencini, prefeita.

Wilson Stocco, gerente da divisão da Sabesp, na região, explicou que o projeto tem duração de dois anos (até 24 meses), pois envolve a preservação e cuidado com os mananciais, a melhoria geral da E.T.A, a parte de construção civil, montagem de equipamentos, sistema automatizado, testes de precisão e – por último o aumento na captação. “É todo um trabalho complexo de várias frentes com prazo previsto de dois anos para conclusão”, explicou o representante da Sabesp.

“Mesmo diante da crise que estamos vivendo, na economia do país, que tem refletido em nosso município, que é pequeno, estamos caminhando, não como gostaríamos, mas como Prefeita quero fazer o máximo pela minha cidade, e este projeto da Sabesp, depois de muitas cobranças, certamente nos dá ânimo e fôlego, pois compreendemos estar no caminho certo que é o melhor para nossa gente”, finalizou a Prefeita Eliane Lorencini.